Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Militares pesquisam na Europa

JORGE NETO - 16 de Novembro, 2017

Treinador bósnio conquistou dois campeonatos nacionais e uma Supertaça ao serviço dos rubro -negros

Fotografia: José Soares | Edições Novembro

A direcção do Clube Desportivo 1º de Agosto procura no Leste da Europa, o substituto  do treinador bósnio Dragan Jovic, que terminou o vínculo contratual por questões de saúde, depois de três anos e meio a orientar o conjunto militar, período em que conquistou dois campeonatos nacionais e uma Supertaça, soube-se do vice-presidente para o futebol, Paulo Magueijo.
De acordo com o  vice-presidente para o futebol dos militares,  a escolha recaiu para região Leste europeia, em função do modelo de jogo que os rubro -negros pretendem continuar nas próximas épocas. Dusan Kondic (sérvio) e Dragan Jovic (bósnio) são os timoneiros daquela região europeia, que já orientaram com sucesso, o 1º de Agosto.
Ainda segundo o dirigente, antes de sair do clube, Dragan Jovic sugeriu alguns nomes à direcção agostina, referentes à possíveis substitutos no seu trabalho, nas hostes do campeão nacional.
"Temos como preferência, técnicos da Europa do Leste, pelo modelo de jogo que nós pretendemos continuar a ter no nosso clube. Devo dizer também, que o Dragan Jovic indicou-nos alguns nomes que estamos a trabalhar sobre eles", disse Paulo Magueijo à imprensa, na segunda-feira.
O homem-forte do futebol militar afastou a ideia do técnico bósnio sair do clube, devido a um mal -estar com a direcção do clube, por outros motivos, principalmente, por desacordo de questões financeiras.
"O professor Dragan Jovic nunca teve problemas com a direcção do clube. Não é possível que alguém com problemas, convide a direcção e o plantel todo para um almoço, num dos restaurantes em Talatona, e pague do seu próprio bolso. Inclusive, houve choros quando Jovic anunciou aos atletas a sua saída do clube", reforçou o dirigente.
Entretanto, segundo apurou o JD o técnico Zaran Maki (já treinou o Kabuscorp do Palanca e Sagrada Esperança) pode entrar nas contas de preferência do clube militar.
Paulo Magueijo confirmou que estão a pensar na próxima época, com reforço de alguns jogadores e a manutenção de atletas influentes na manobra do conjunto militar.
"Estamos a preparar uma equipa forte, para a próxima época. Vamos contratar alguns jogadores, temos contrato com atletas influentes na equipa, o Geraldo, o Bobó e pensamos em reforçar com mais alguns", garantiu.
Os campeões nacionais têm oito jogadores na Selecção Nacional, que vai disputar o CHAN de 2018, em Marrocos, no início do próximo ano, situação que pode influenciar na preparação dos campeões nacionais para a próxima época, pelo que os agostinos vão conversar com a direcção da Federação Angolana de Futebol para abordar a prioridade entre o CHAN e a participação do 1º de Agosto nas Afrotaças, que acontece igualmente nos dois primeiros meses do próximo ano.
Os rubro-negros vão estar envolvidos nas eliminatórias, de acesso à fase de grupos, da Liga dos Clubes Campeões Africanos.