Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Militares sem programa especial de treino

Jorge Neto - 07 de Fevereiro, 2019

1 de Agosto trabalha para travar pretenso do rival Petro de Luanda

Fotografia: Jos Cola | Edies Novembro

A equipa técnica do 1º de Agosto não vai alterar o programa de treinos para o jogo do próximo sábado, às 16h00, no estádio 11 de Novembro, diante do Petro de Luanda, válido para oitava jornada do Girabola Zap, só pelo facto de ser um duelo de suma importância e com o seu principal rival. A garantia foi dada à imprensa pelo adjunto Ivo Traça. 
“Não vamos alterar de forma alguma o programa de trabalhos, só porque vamos ter de defrontar o Petro de Luanda. É mais um jogo do campeonato, que considerámos normal”, defendeu Ivo Raimundo Traça, técnico-adjunto do 1º de Agosto.
Diz o ditado que em \"equipa que ganha não se mexe\", mas o técnico Dragan Jovic tem aberta todas as opções e tendo em conta que existem jogadores a deixar o departamento médico e outros condicionados, o certo é que às próximas horas vão definir o quadro de atletas disponíveis para o clássico.
A poucos dias do clássico, os pupilos de Dragan Jovic estão motivados para fechar com \"chave de ouro\" a primeira volta da competição.
Os militares regressaram ontem de manhã aos treinos, no campo França N´dalu, e apresentaram-se dispostos a mostrar serviço, numa sessão virada para os aspectos técnicos e tácticos, com particular incidência para a concentração defensiva e ofensiva.
Depois da vitória no dérbi ante o Kabuscorp do Palanca, por 2-0, no domingo passado, a terceira consecutiva sobre os palanquinos, os tricampeões nacionais aumentaram a confiança para o eterno clássico, por sinal, o último desafio que terão pela frente na primeira volta do Girabola Zap, enquanto os adversários disputam mais dois desafios para acerto de calendário.
O momento que se vive nas hostes rubro-negras é de total concentração, sabem que terminar na liderança da primeira volta não depende apenas de si, pois o arqui-rival tem mais pontos por disputar, mas reconhecem que sendo um adversário directo o mais lógico seja ganhar este duelo, para somar vantagem quando forem feitas as contas no final do campeonato.


EXTREMO DO D´AGOSTO
Ary Papel regressa às opções


Três jogos depois, o extremo Ary Papel regressa às opções do técnico Dragan Jovic no  clássico do próximo sábado, diante do Petro de Luanda, constituindo um reforço para o sistema ofensivo da equipa do 1º de Agosto.
Devido a uma lesão, o influente jogador falhou os desafios diante do FC Bravos do Maquis, Cuando Cubango FC e Kabuscorp do Palanca e já está recuperado para defrontar o conjunto petrolífero.
O segundo melhor marcador da equipa rubro-negra, com quatro golos, jogou nos demais desafios do campeonato nacional, sendo por isso, uma das peças fundamentais na manobra da formação agostina.
Ary Papel regressou ao 1º de Agosto esta época, depois de dois anos ao serviço do Sporting Clube de Portugal.
Já o médio ofensivo Buá treinou ontem condicionado. O jogador fez trabalho de recuperação física, separado do colectivo, mas não está descartada a sua presença no desafio. Hoje, o jogador junta-se aos colegas na preparação técnico e táctica.
Em sentido contrário, o médio central Ibukun está descartado do clássico, pois ainda recupera de um problema clínico.
O técnico Dragan Jovic trabalha com 29 dos 30 jogadores do plantel da presente época futebolística. O médio nigeriano fez o último jogo com a camisola do 1º de Agosto na derrota, por 4-2, diante do Esperance de Tunis, referente à segunda-mão das meias-finais da Ligas dos Campeões Africanos, em Outubro do ano passado.