Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Militares testam com aviadores

Jorge Neto - 21 de Março, 2019

Fotografia: Edies Novembro

O 1º de Agosto recebe, amanhã às 9h00, no estádio França Ndalu, a o Atlético Sport Aviação (ASA), em desafio de carácter amistoso, de modo a manter o ritmo competitivo dos jogadores, tendo em conta a paragem que se regista no Girabola Zap, devido aos compromissos dos Palancas Negras. Os militares repousaram dois dias após a vitória diante da Académica do Lobito no domingo passado, por 1-0, onde tiveram de vestir o \"fato macaco\" para garantir os três pontos, que neste momento lhes garante a liderança na competição.
Nos dois confrontos entre militares e aviadores esta época, a contar para o Girabola Zap, os pupilos de Dragan Jovic venceram em ambas ocasiões, por 3-0 e 4-0, rendendo sete golos aos agostinos sem sofreram nenhum.
 O amistoso enquadra-se na preparação para o desafio diante do Progresso do Sambizanga, referente à 21ª jornada do campeonato, onde os rubro e negros pretendem manter-se na senda das vitórias, de acordo com o técnico adjunto agostino, Ivo Traça. \"A equipa vem de duas vitórias seguidas e queremos manter a sequência de triunfos, já que o campeonato regista uma pausa.
 Estamos a trabalhar com esta finalidade. Restam-nos dez decisivos jogos. Mas com o trabalho implementado, temos a obrigação de vencer o campeonato. Mas não será uma tarefa facilitada. Com respeito pelos adversários o 1º de Agosto entra em todas as competições com o objectivo de ganhar\", disse à imprensa o auxiliar do sérvio Dragan Jovic.
 Apesar de liderar isolado a classificação geral com 44 pontos, a equipa do 1º de Agosto está dependente dos resultados que o arqui-rival, Petro de Luanda, 37, obtiver nos três jogos em atraso, em face de, na altura, estar envolvido na fase de grupos da Taça da Confederação. Caso os tricolores somam triunfos nestes desafios acumulam nove pontos, que lhes garantem assaltar a liderança do campeonato nacional, com mais dois.O plantel está motivado e os jogadores vão aproveitar a pausa no Girabola Zap para revitalizar as energias, em função da longa época que atravessam desde o ano passado, onde não gozaram às férias no período de um mês. 

GOLOS
Massunguna persegue recorde

Com o golo solitário marcado na vitória do último domingo diante da formação da Académica do Lobito o defesa-central, Dany Massunguna, colocou-se a um tento de igualar o melhor registo goleador da sua carreira alcançado em 2016. O capitão, do 1º de Agosto actualmente regista duas finalizações, sendo diante do arqui-rival, Petro de Luanda, no desafio de acerto de calendário para a 8ª jornada do Girabola Zap e, mais recentemente, frente aos estudantes, pontuável para a 20ª ronda.
Curiosamente, os dois golos apontados pelo experiente defesa central ditaram a vitória dos rubro e negros nos respectivos desafios, daí que Massunguna tenha influencia directa na soma de seis pontos para o seu conjunto.
O camisola 5 começou a ganhar o hábito pela veia goleadora em 2016, em que marcou,  em três ocasiões, o seu registo máximo. Nas épocas seguintes apontou apenas em uma ocasião e, na presente temporada, já finalizou duas vezes e parece estar com \"fome de golos\".
O capitão marca com os pés e com a cabeça, ajudando o seu ataque a resolver os jogos complicados que os agostinos atravessam no campeonato, dando exemplo aos seus colegas de determinação e eficácia, que em muitas ocasiões faltam aos avançados.
No aspecto defensivo, é um dos pilares fundamentais, pois consigo em campo os rubro e negro mantêm a sua baliza inviolável. Nos dois jogos que sofreram os golos, na presente época, Dany Massunguna desfalcou a equipa: diante do Sagrada Esperança da Lunda Norte, 3-3, na 12ª jornada, e Desportivo da Huíla, igualmente por 3-3, na 17ª ronda.