Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Militares traam estratgia para Operao Sambizanga

Morais Canmua, no Lubango - 16 de Abril, 2015

militar procura incutir na mente dos seus jogadore

Fotografia: Jornal dos Desportos

A equipa técnica do Clube Desportivo da Huíla (CDH) começa hoje de manhã, no Estádio de Nossa Senhora do Monte, no Lubango, a desenhar a estratégia a utilizar no jogo de domingo, no estádio da Cidadela, com o Progresso referente à nona jornada do Girabola 2015. A situação que os sambilas atravessam no campeonato, último colocado da tabela de classificação, que originou inclusive que Mário Calado fosse demitido e substituído por Albano César, faz pensar na reabilitação diante dos militares da Região Sul, o que deixa Ivo Traça de sobreaviso. 

Com base nisso, o técnico militar procura incutir na mente dos seus jogadores a necessidade de jogarem serenos,  aplicarem os fundamentos do jogo que ensaiam nos treinos e procurarem surpreender o adversário que precisa muito de pontos. A entrada de Albano César no comando técnico dos sambilas pode ser, na visão do técnico Ivo Traça, “um factor de motivação adicional” e a  jogar em casa, “pode fazê-los renascer das cinzas”. Por isso, alertou “apesar do respeito que nutrimos pelos pergaminhos do Progresso do Sambizanga, vamos lá (a Luanda) e procurar fazer o nosso trabalho”.

Amanhã de manhã, de acordo com o plano de trabalho semanal, a equipa do CDH realiza mais uma sessão de treinos, no relvado do Estádio de Nossa Senhora do Monte, onde vão “revisar a matéria dada” e fazer um profundo trabalho psicológico aos atletas.
 A viagem da equipa para Luanda está marcada para domingo de manhã. O Clube Desportivo da Huíla teve uma boa prestação na última deslocação em Luanda. Ou seja, a equipa huílana empatou (1-1) diante do Kabuscorp do Palanca, numa partida em que esteve em vantagem a maior parte do duelo.

PREPARAÇÃO
Huilanos motivados


A vitória no jogo de domingo, com o Domant FC referente à oitava jornada do Girabola 2015, provocou um efeito multiplicador nas hostes do Clube Desportivo da Huíla, que ensaia as formulas para surpreender o Progresso do Sambizanga, no próximo final de semana, na capital do país, em desafio pontuável para a ronda nove.

A equipa liderada por Ivo Traça está moralizada e espera fazer um bom jogo com o “lanterna vermelha” da prova. Apesar do magro resultado diante do Domant FC, em jogo disputado no Estádio da Tundavala, o treinador dos militares da Região Sul  minimiza a escassez de golos e prefere estar concentrado no próximo embate.

“Acho que o mais importante foi termos somado três pontos. Agora temos uma outra frente, em que o objectivo é procurar fazer um resultado que vá de encontro às nossas aspirações”, disse. Ainda assim, o técnico refere que o trabalho vai ser concentrado nas questões ligadas à finalização das jogadas,  como assegura, “a equipa falha muitos golos, devido à falta de concentração e discernimento nos momentos cruciais”.

Com efeito, depois de na segunda-feira ter privilegiado a recuperação orgânica dos atle