Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Miller repensa estratgia

Manuel Neto - 04 de Maio, 2016

Miller repensa estratgia para prximos adversrios

Fotografia: Jornal dos Desportos

O técnico da  equipa do Kabuscorp do Palanca, Miller Gomes, após derrota por 1-0, diante do Petro de Luanda, em jogo que abriu a 10ª jornada do Girabola Zap, prometeu  repensar a estratégia a usar na  maratona de jogos difíceis que tem pela  frente,  com o Benfica de Luanda, 1º de Agosto, 4 de Abril e Académica do Lobito.

"Perdemos  com o Petro, em que mais uma vez  continuamos a falhar no ataque, agora temos de levantar a cabeça dada a  maratona de jogos que temos pela frente, temos  o Benfica já na próxima jornada,  posteriormente  o 1º de Agosto e outros, o que nos  leva a repensar  na forma de abordamos  estes jogos da melhor maneira possível, ou longe das posturas anteriores", prometeu.Por outro lado,  o técnico reconheceu a falta de finalização que o grupo apresenta esta  época, como  o grande "calcanhar de Aquiles".

"Estamos conscientes que a nossa equipa joga bem e cria  muitas oportunidades de golos, mas infelizmente continuamos a ser aquele  grupo que peca  muito na finalização e quando assim é, dificilmente se ganham jogos".

Ainda assim, Gomes afirmou  que o grupo que dirige  tudo tem feito para aliar as boas exibições aos resultados e a seu ver, a ineficácia tem sido o único impedimento ao sucesso que se pretende  .

"Repare que nós  não  temos jogado mal, produzimos um grande volume de jogo, que  culmina com  constante caudal ofensivo, prima  sempre na  qualidade e posse de bola, onde acabamos por criar inúmeras oportunidades ,mas nem sempre o golo aparece".

Em face disso,  o técnico palanquino  acredita  na mudança deste  mau comportamento a breve trecho, de forma a lograr os intentos que se propuseram perseguir esta época.

"Temos objectivos a cumprir esta época, por isso, não podemos continuar assim,  vamos continuar com o  trabalho árduo de forma a debelar este  desiderato, temos  uma juventude  inexperiente e só com  processos de trabalho se consegue, aliás está  à vista a segunda volta , onde  também  podemos  encontrar algumas soluções  para ultrapassarmos isso", asseverou.