Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Mo dura da FAF

Jorge Neto - 13 de Julho, 2016

rbitro nacional j suspenso aguarda desfecho da reunio do CCAFAF

Fotografia: Santos Pedro

O Conselho Central de Árbitros da Federação Angolana de Futebol (CCAFAF), anuncia nos próximos dias em comunicado oficial, o castigo imposto ao árbitro da primeira categoria nacional, António Dungula, apurou ontem o Jornal dos Desportos, de uma fonte afecta ao órgão que rege a modalidade no país.

O juiz já está suspenso, vai ser sancionado por validar o golo inaugural do avançado do 1º de Agosto, Gelson, aos 13m, marcado com a mão esquerda, na vitória de 2-1, diante do Benfica de Luanda, no sábado, no Estádio 11 de Novembro, em partida referente à 16ª jornada do Girabola Zap.

Segundo apurámos, a sanção é extensiva ao segundo árbitro assistente, José Silia, envolvido igualmente no lance, por não levantar a bandeira no momento da infracção, cometida pelo melhor marcador do campeonato nacional.De acordo com a fonte afecta ao CCAFAF, o juíz da província de Benguela e o segundo assistente, aguardam a decisão da reunião que acontece hoje, para saber o período de suspensão.

"Confirmamos, que o árbitro António Dungula está suspenso e aguarda o castigo a ser-lhe imposto pelo Conselho Central de Árbitros. Amanhã,(hoje) teremos a nossa habitual reunião, das quartas-feiras, onde analisamos as incidências que acontecem nos jogos do final de semana e aí, abordaremos o tempo da sanção a aplicar", disse a fonte.
Acrescentou que o assunto vai ser analisado ao pormenor, para  tomar a posição certa. "É preciso analisar, se houve dolo, negligência ou distracção dos árbitros envolvidos nesta jogada, para depois aplicar-se o castigo", justificou.

A fonte admitiu ainda, que o árbitro errou igualmente, ao não assinalar a grande penalidade sofrida por Gelson, derrubado na grande área, por um defesa benfiquista, no período de compensação do segundo tempo.

Após a reunião de hoje do CCAFAF, a sanção vai ser conhecida dentro de sete dias, no máximo, seguindo ao pé da letra. Depois da advertência do presidente do Conselho Central de Árbitros, Muluta Prata, em entrevista a este jornal, antes do arranque da segunda volta do Girabola Zap, em que iam ser severos contra os infractores, nos próximos sete dias, prevê-se uma sanção exemplar para o juiz e o seu auxiliar.   

Recorde-se, que o golo marcado por Gelson, também apelidado como a "mão de Deus", foi mundialmente notabilizado pelo astro argentino, Diego Armando Maradona, no Mundial de 1986, num jogo diante da selecção da Inglaterra.