Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Passada vencedora

Jorge Neto - 31 de Março, 2016

Militares do Rio Seco desde que foram derrotados no ano passado pelo Libolo na dcima sexta jornada esto at agora sem perder

Fotografia: M.Machangongo

A equipa do 1º de Agosto está invicta há 19 jogos no Girabola Zap. A última vez que perdeu foi no jogo com o Recreativo do Libolo, referente à 16ª jornada da época passada.

Se juntar os 14 jogos do ano passado, aos cinco da presente época, em que soma só vitórias, tem de se viajar ao passado para encontrar o dia 11 de Julho que foi a data em que os militares foram derrotados pela formação da Vila de Calulo, por 3-2.  Na altura, os golos dos libolenses foram apontados por Diawara duas vezes e Dany, enquanto Gelson e Ndikumana selaram para os agostinos.

Diante disso, os pupilos do técnico bósnio Dragan Jovic estão há oito meses sem conhecer o amargo sabor da derrota, no que respeita à principal competição nacional de clubes a nível do futebol.

Depois de uma primeira volta irregular no ano passado, o conjunto  rubro -negro desencadeou uma segunda ronda positiva, alternou vitórias e empates, perdeu somente naquela 16ª jornada.

Fruto da recuperação, os militares recuperaram pontos, colocaram-se nos lugares cimeiros e disputaram a conquista do título em pé de igualdade com o Recreativo do Libolo até a 30ª jornada, a última em que somaram o mesmo número de pontos.

A formação agostina perdeu o título em função da derrota em Calulo e do empate a um golo consentido em Luanda, nos jogos entre si.
Esta época, a formação orientada por Dragan Jovic é a única que não desperdiçou qualquer ponto nas primeiras cinco jornadas da prova, e realiza uma campanha irrepreensível na caminhada que se julga exitosa para a conquista do título, a última dista da época 2006.

A nível da Taça de Angola, a equipa do 1º de Agosto consentiu a última derrota igualmente no jogo com o Recreativo do Libolo, em Calulo, por 1-0, a contar para os oitavos - de - final da competição, com um pénalty apontado por Fredy.

As duas formações mediram forças no dia 16 de Setembro de 2015, que ditou o afastamento dos militares da segunda maior prova nacional à nível de clubes e a continuidade dos libolenses.


PLANTEL
Militares prontos para  viagem à Caála



Os cinco jogadores da equipa do 1º de Agosto que estavam ao serviço dos Palancas Negras, e Jumisse que representou o combinado dos Mambas já estão ao serviço do técnico bósnio Dragan Jovic, para o desafio de sábado às 15h30, no Estádio Mártires da Canhala com o Recreativo da Caála, referente à sexta jornada do Girabola Zap.

O guarda-redes Dominique, o lateral direito Isaac, o defesa central Sargento Ekundi, o médio ofensivo Ary Papel e o avançado Gelson apresentaram-se ontem no ex-Ri20 para integrarem o grupo, no regresso ao campeonato nacional. Em relação aos seleccionados só Ekundi não foi  utilizado pelo seleccionador José Kilamba.

Os seis jogadores realizaram um treino ligeiro, voltada para a recuperação física, trabalharam em separado do grupo. Hoje, vão estar integrados na preparação técnica e táctica para a visita ao Recreativo da Caála, no sábado.

Ainda ontem, no período da manhã, o plantel do 1º de Agosto visitou o hospital dos Cajueiros, no distrito do Cazenga, onde entre outros aspectos  doaram sangue àquela instituição de saúde, que tem registado uma das principais carências dos últimos tempos.
JN