Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Petro apresenta plantel com triunfo sobre o ASA

Edvaldo Lemos - 22 de Outubro, 2018

Inusah Musah novo reforo do Petro

Fotografia: Mota Ambrsio | Edies Novembro

O Petro de Luanda apresentou no sábado, no Estádio dos Coqueiros, o plantel que vai disputar o Girabola Zap 2018/19. O acto aconteceu durante o jogo com o Atlético Sport Aviação (ASA), em que a vitória (1-0) sorriu aos petrolíferos, durante a partida,  deu nas vistas, o defesa ghanense, Inusah Musah.
O desafio serviu para a despedida e homenagem ao guarda-redes Lama, a parte técnica aproveitou para apresentar o plantel, constituído por 30 jogadores, de entre cinco estrangeiros.
Trata-se de um nigeriano, Dennis, que é ponta de lança, 23 anos, dois ghanenses, Inusah Musah ,defesa central de 24 anos e Isaac Mensah, médio de 23 anos; dois brasileiros, Tiago Azulão, ponta - de - lança, de 30 anos e Tony, ponta - de-  lança, de 26 anos, estes últimos têm os contratos renovados.
Entres os nacionais, há a destacar os reforços, Elber - guarda - redes de 26 anos, Vá  - médio de 20 anos, Nary - defesa central de 31 anos, Karanga  -médio de 26 anos e Tó Carneiro - lateral esquerdo de 23anos.
No  jogo,  em que Lama foi homenageado, foi realçada a sua actuação durante 20 anos, ao serviço do Petro de Luanda, onde conquistou vários títulos, a formação petrolífera, apesar de só ter derrotado o ASA, por 1-0, mostrou uma boa qualidade.
Karanga e Vá deram o ar da sua graça, garantiram confiança ao técnico brasileiro Beto Bianchi,  quanto ao defesa- central ghanense, Musah, este conquistou a simpatia do público e tudo indica que já alcançou o seu lugar na equipa tricolor.
Quando decorriam os primeiros minutos da segunda parte, a equipa do Petro de Luanda já vencia por 1-0, com golo apontado por Job, depois do atacante brasileiro Tiago Azulão ver o árbitro anular o seu golo, por estar na posição de fora de jogo.
Os adeptos afluíram em massa, para aplaudir o clube do coração, a vontade de conquistar o campeonato era visível em cada rosto, Renato Campos, o novo director para o futebol, ainda ressentido com a perda do seu amigo e colega, Jonas, disse que este ano o título vai morar na galeria do Eixo -viário.