Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Petro eleva cargas do treino

Paulo Caculo - 06 de Junho, 2016

Petro eleva cargas do treino

Fotografia: Jornal dos Desportos

Motivados com os últimos resultados positivos alcançados no campeonato e embalados pela aproximação ao posto de liderança, a equipa do Petro de Luanda não poupa esforços no ciclo de preparação para o jogo com o crónico rival 1º de Agosto, agendado para dia 11, no estádio 11 de Novembro, a contar para a 15ª jornada do Girabola Zap.

À semelhança dos ensaios cumpridos na semana passada, Beto Bianchi e pupilos voltam ao muito bem tratado relvado do campo "Osvaldo Saturnino Jesus", às, 9 horas, no Catetão, para a primeira sessão de treino da semana. O grande objectivo dos tricolores é chegar até à véspera do desafio com os militares, actual líder incontestável do campeonato, dentro dos níveis físicos desejados para contornar o adversário.

A preparação desta manhã deve incidir-se muito mais nos acertos da táctica e modelo de jogo. E diga-se, nesse aspecto, que o treinador do Petro pode voltar a promover trabalhos com bola, com objectivo de analisar as nuances de circulação, passe e posse do esférico. A construção da estratégia tem em atenção os pontos fortes e fracos do adversário, pode estar, igualmente, no centro das sessões de treinos dos tricolores.

A boa imagem deixada pela equipa nos jogos anteriores e o excelente labor patenteado pelos jogadores têm sido as notas predominantes que continuam a motivar o optimismo e a crença no triunfo sobre o 1º de Agosto, na última jornada da primeira volta do campeonato. Caso a pretensão seja um facto, os tricolores ver-se-ão mais próximos da liderança, a uma distância de apenas um "pontito".

Mais do que vencer a partida do dia 11, os tricolores estão decididos em dar sequência à série de vitórias iniciada desde o jogo com os sambilas e confirmar aos adeptos que estão de regresso à luta pelo título.Os níveis de motivação e confiança mantêm em alta, os jogadores estão bastante motivados e acreditam que podem e têm capacidade para fazerem muito mais este ano, apesar de serem das equipas que menos contratações fez esta época.

A rotação dos atletas na equipa titular e nas convocatórias mantém o grupo em forma desportiva, física e psicológica para fazerem face a todos os desafios.Ao cabo de 14 jogos, os petrolíferos ostentam 27 pontos, fruto de oito vitórias, três empates e igual número de derrotas. O ataque fez já 15 golos e sofreu apenas oito. Dos jogos em casa, os tricolores conseguiram amealhar 18 pontos, ao passo que fora de portas lograram a conquista de nove.

JOGO EM ATRASO
Lundas empatam no dérbi


O Progresso da Lunda Sul e o Sagrada Esperança da Lunda Norte, empataram ontem, a zero bola, no Estádio das Mangueiras, em Saurimo, em partida de acerto referente à 11ª jornada do Girabola Zap, não disputada na data prevista devido ao envolvimento da formação diamantífera na Taça da Confederação.O dérbi do leste, apesar da emoção não correspondeu a expectativa. Os dois conjuntos tudo fizeram para conquistar os três pontos, mas faltou mais empenho e eficiência nas oportunidades criadas, que no entanto, não fora muitas de ambos os lados.

Os donos da casa, Progresso da Lunda Sul, com o resultado alcançado ontem, mantém na sétima posição agora com 19 pontos, enquanto o Sagrada ascende para sétima posição com 18, mantendo a diferença pontual de apenas um.O resultado entre os dois conjuntos das lundas, sul e norte, espelha o equilíbrio entre as duas formações que lutam pelo mesmo objectivo no Girabola Zap.