Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Petro espreita o comando

Betumeleano Ferro - 22 de Fevereiro, 2020

Catlicos almejam travar tricolores semelhana do que fez aos militares em Luanda

Fotografia: Agustinho Narciso

A liderança do Girabola Zap pode mudar hoje para as mãos do Petro de Luanda, os tricolores estão sob a obrigação de ganhar ou ganhar para assumir, embora à condição, o primeiro lugar do campeonato. As possibilidades de os tricolores obterem êxito extramuros existem, mas é preciso desviar os olhares para o adversário, realmente o Santa Rita merece ser tido e achado na discussão do resultado, ainda mais porque na jornada passada travou o 1º de Agosto, abrindo agora a chance da ultrapassem do Petro.
O jogo vai começar às 15h00, no 4 de Janeiro, com o foco dividido entre as duas equipas, há todos os motivos para esperar por um embate em que cada um dos contendores vai querer se agigantar desde o apito inicial, a realidade evidente faz com que quer católicos, quer tricolores, ambicionem entrar com a mão na massa. A postura inicial não vai definir tudo, mas, pode ser determinante para aumentar a confiança de quem anseia somar os 3 pontos.
A precisar de colocar muita pressão ao 1º de Agosto, o Petro de Luanda tem de fazer a sua parte para somar e seguir, é verdade que a liderança pode ser à condição, porém, é sempre melhor do que nada. Os tricolores nem sempre vão ter chances como a desta tarde, é por isso que têm de mostrar todas as suas competências para dissipar as dúvidas, que tem criado, sobre o seu estatuto de candidato.
O Santa Rita subiu a parada ao empatar com o 1º de Agosto em Luanda, agora chegou o momento de os católicos pagarem o preço da fama. O 4 de Janeiro muda sempre a atitude competitiva dos católicos, é normal que o Santa Rita se encha de coragem para permanecer na boca do povo, com ou sem ascendente em campo, os católicos sabem que vão ter de arriscar muito mais do que antes.
A viver um verdadeiro momento de bonança, o Sagrada Esperança vai tentar prolongar o bom momento com uma vitória sobre a Académica do Lobito. Os diamantíferos têm total favoritismo no desafio que começa às 15h00, no estádio do Dundo, com a confiança em alta, é normal esperar que os estudantes levem uma lição extramuros.
A Académica do Lobito já esteve muito acima do Sagrada Esperança, mas os papeis agora se inverteram, mas pode ser que os estudantes estejam cansados de ver a banda a passar, recuperar o doce passado é a meta que os estudantes vão tentar atingir, o terceiro lugar ainda está a mão de semear, motivo por que os estudantes têm todos os motivos, para contrariar o favoritismo do Sagrada Esperança.
O ascendente competitivo do Sagrada Esperança aumenta a cobrança para o plantel, os adeptos agora estão acostumados e querem ser compensados pelas tristezas da primeira volta. A Académica do Lobito ainda olha para baixo para ver o adversário, a vantagem pontual ainda é confortável e dá até chances aos estudantes de deixar os diamantíferos pegarem no jogo, para tirarem bom proveito do contra-golpe.