Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Petro poupa titulares

23 de Setembro, 2017

Tricolores querem favoritismo no embate com JGM

Fotografia: Jose Soares | Edies Novembro

A equipa do Petro de Luanda que hoje entra a jogar diante do JGM do Huambo, para o desafio dos oitavos de final da Taça de Angola, apresentará mudanças significativas em relação àquela que recebeu e venceu a Académica do Lobito, no Girabola.
Em causa, está o facto de Beto Bianchi ter anunciado \"poupanças\" na equipa, em virtude do desgaste físico de alguns jogadores e, embalando nesta visão, o técnico dos tricolores prevê promover ao \"onze\" alguns jogadores que durante a presente época não têm sido utilizados ou raras vezes entram nos titulares, casos de Lamá, Abdull, Dennis, Diógenes, Pedro e Nandinho, só para citar estes.
Com estas mudanças, Bianchi pretende alargar o leque de opções, dotando todos aos atletas de algum ritmo competitivo e em condições de entrar quando forem chamados, mas sobretudo evitar cargas de jogos aos habituais titulares, a exemplos de Gerson, Elio, Herenilson, Wilson, Job, Ari, Mira, Diney e Manguxi. Embora a estratégia seja deixar todos os jogadores ao mesmo nível de ritmo de jogo, a equipa técnica do Petro não deverá descurar da maioria dos jogadores fundamentais, de formas a evitar quebras na qualidade de exibição da equipa ou no modelo de futebol.

ONZE PROVÁVEL
Ao contrário do que escrevemos na edição passada, Elio, Herenilson, Maludi e Wilson não devem retomar os titulares, podendo estes integrar o naipe de jogadores a serem poupados pelo técnico petrolífero nesta deslocação ao Huambo.
Em face disso, se o técnico cumprir à risca as pretensões de fazer descansar alguns titulares, Gerson deve dar lugar a Lamá, na baliza. Na defesa, a dupla de centrais deve ser formada por Abdull e Ari, devendo Mira e Nandinho ocupar as laterais.Já no meio-campo, Carlinhos deve fazer a posição cinco, enquanto Diógenes será o \"playmaker\". Nos extremos devem actuar Pedro e Job (ou Mateus), ao passo que Tony deve ser ao apoio a Tiago Azulão no ataque.     
PC

                                          
BETO BIANCHI
“Vamos fazer mudanças”


O técnico do Petro promete fazer mudanças no \"onze\" titular, tendo em vista o jogo desta tarde, no Huambo, frente ao JGM local. Beto Bianchi justifica a decisão com a necessidade de poupar alguns jogadores que, na sua óptica, estão a acusar carga de jogos.
\"Vamos fazer algumas mudanças, para dar a lugar a outros jogadores que estão à espera de uma oportunidade a algum tempo. Portanto, espero que aproveitem. Não significa que estamos a desprezar a competição, mas porque achamos ser um risco muito grande forçar jogadores que tem uma elevada carga de jogos\", disse o treinador.
\"Estamos na recta final e a situação nos obriga a fazer algumas poupanças. Respeitamos o JGM, mas os que vamos colocar são jogadores que já jogaram titular no Petro, mas simplesmente estes jogadores não têm muitos minutos de jogo. A carga de trabalho é muito grande\", acrescentou Bianchi.
O técnico dos tricolores reitera o máximo respeito pelo adversário, mas vamos lembra que os jogadores estão para \"honrar a camisola do Petro\", pelos que, estão cientes e dispostos a \"lutar bastante para passar as duas eliminatórias\".
 PC