Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Plantel "improvisado" espera fazer melhor frente ao Progresso

Benigno Narciso - Lubango - 27 de Dezembro, 2018

Fotografia: Aro Martins | Edies Novembro

O Desportivo da Huíla “superou”, em tempo recorde, os efeitos negativos da surpresa resultante da antecipação e sem aviso prévio do jogo remarcado para hoje à tarde, em Luanda, frente ao Progresso do Sambizanga para abertura da nona jornada do Girabola Zap 2018/2019. 
Os militares da Região Sul admitem que  estão em prontidão,  de cabeça erguida para o embate. Após a dispensa dos atletas para a quadra festiva, que regressariam ao trabalho apenas nos primeiros dias de Janeiro, Mário Soares viu-se forçado a chamar o grupo  para concentração e preparação para o desafio, com todas as consequências e embaraços criados.
“Foi com grande surpresa que ficamos a saber da remarcação do jogo para quinta-feira (hoje). Já tinhamos dispensado os jogadores,  muitos  já estavam com as suas famílias fora da província. Fomos forçados a chamá-los de volta, para a concentração e preparação ao jogo”, disse o treinador - adjunto, Hélder Cruz.
Ainda assim, diante de um quadro desfavorável, a equipa técnica e atletas sustentam o desejo natural de superação para contrariar as possíveis adversidades, na sequência da antecipação inesperada, bem como o potencial do adversário e lutar pela conquista de um resultado satisfatório, que passa pelo triunfo ou no mínimo, não perder.No seio da equipa afecta à Região Militar Sul, há conhecimento profundo do adversário. Mário Soares e rapaziada estão avisados, de que o Progresso exibe um futebol alegre, com pendor ofensivo, aguerrido e astuto. 
“Sabemos, que o Progresso é um adversário difícil. Tem um futebol alegre com pendor ofensivo alto. É uma equipa aguerrida, batalhadora e troca sempre bem a bola, mas vamos contrariar os pontos fortes e lutar por um resultado que nos satisfaça”, ambicionou o adjunto de Mário Soares.
Mário Soares, técnico que reprovou, recentemente, as eventuais alterações no onze que estava a utilizar  e a forma de actuar para  próximos desafios, deve utilizar  a equipa que venceu, por 2-0, a Académica do Lobito, na jornada passada. O onze deve ser o seguinte: Ndulo à baliza, Chiwe, Sargento, Sidney, Bruno, Cagodó, Elias, Nandinho, Milton, Leonel e Razaq.