Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Progresso da Lunda Sul ganha com mrito

23 de Maio, 2016

O Progresso da Lunda Sul com a vitria sobre o Desportivo soma o seu terceiro triunfo como visitado

Fotografia: M.Machangongo

O treinador adjunto do Progresso da Lunda Sul, Paulo Figueiredo, valorizou, em Saurimo, a postura da sua equipa na vitória (1-0) sobre o Desportivo da Huila, em jogo pontuável a 13ª jornada do Campeonato Nacional de Futebol da primeira divisão, Girabola2016.

Em declarações à imprensa no estádio municipal das Mangueiras, o técnico considerou o resultado justo, a julgar pelo espetáculo protagonizado por seus "pupilos", tendo prometido mais vitórias nas próximas jornadas.

“Foi um jogo bem disputado, penso que merecemos a vitória, a julgar pelo espetáculo protagonizado pelos meus jogadores, tivemos mais oportunidades e só não fizemos mais golos por falta de concentração dos meus avançados”, disse.

O  Desportivo da Huíla perdeu por sua culpa e não tem de arranjar culpados no referido jogo que ficou marcado com o regresso do médio Chico Bel, que ficou dois meses parado devido a uma lesão no tornozelo do pé direito, não teve muita história nos primeiros 45 minutos, onde os Lundas entraram embalados pelo propósito de alcançar três pontos, protagonizando uma entrada de rompante no desafio.

Ficou o registo flagrante de no minuto cinco naquela partida, o Progresso da Lunda Sul perdeu uma soberana oportunidade de adiantar-se no marcador, quando Mongo, frente a frente com o guardião Nuno, deixou-se intimidar e este fez um remate precipitado sem causar perigo a baliza adversária. 

O mesmo voltou a desiludir os adeptos do Progresso da Lunda Sul, quando aos 43 minutos da etapa inicial, isolado fez um remate a figura do guarda-redes Nuno. Quando não se acreditava mais em Mongo, este aos 45+1 minutos da primeira metade do jogo, fez o único golo da partida, aproveitando da melhor forma um passe de calcanhar de Herve depois de uma jogada de insistência da turma do técnico Kito Ribeiro.

No reatar do encontro, com Progresso a ganhar por uma bola, entrou Norberto, que deu mais dinâmica no meio campo dos Lundas, permitindo que os donos da casa voltassem a dominar os primeiros 20 minutos, incomodando a defesa contrária, que naquele período se mostrava intransponível.

O técnico Ivo Traça, insatisfeito com as prestações de Nandinho, Yuri e Chiquinho, colocou em campo Dadão, Malamba e Lito, que vieram dar outra dinâmica na equipa, que procurou durante os últimos 25 minutos do jogo empatar o desafio, mas os lundas fecharam-se no seu último reduto e defendiam com determinação anulando todas jogadas perigosas.

Na ponta final, os donos da casa apenas procuraram conservar o resultado, mandando bolas para fora e fazer jogadas de contenção.