Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Proletrios unidos pela manuteno

Jlio Gaiano - Benguela - 10 de Setembro, 2016

1 de Maio de Benguela est apostada em contrariar o favoritismo do ASA

Fotografia: Jornal dos Desportos

Com o espectro de despromoção à vista, a formação do 1º de Maio de Benguela está apostada em contrariar o favoritismo do ASA,  pensa unicamente no triunfo, para manter os níveis de motivação e acreditar na manutenção no Girabola Zap.

O técnico Hélder Teixeira promete dificultar a tarefa dos aviadores, porque estão condenados a não perderem nos jogos que restam da prova, caso queiram alimentar o sonho da permanência, na mais alta-roda do futebol nacional.

“Trabalhámos para no mínimo, não perder no jogo com o ASA. De certeza que vamos encontrar um adversário moralizado e disposto a fazer valer a sua condição de favorito. Vai jogar em casa,  não vai  querer perder. Esta é também a nossa pretensão, ganhar e fugir da zona perigosa em que nos encontramos”, precisou o técnico da formação encarnada, da rua Domingos do Ó.

À entrada da 23ª jornada, as duas equipas encontram-se separadas por três pontos. Em caso do triunfo, o 1º de Maio de Benguela (13º/23) alcança o ASA (11º/26) e reanima-se para a luta pela sobrevivência. Vai ser difícil, mas não é impossível, como fez saber o seu timoneiro, quando questionado à respeito.

Nas entrelinhas, admitiu atacar os três pontos com Leo (à baliza); Abegá, Tobias, Edson e Dino (à defesa); Márcio Luvambo, Jamba, Bugo Jazz e Maria Pia (ao meio-campo); Filipe e Caporai (ao ataque).