Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Sambilas trabalham na Cidadela para adaptao relva natural

Avelino Umba - 04 de Maio, 2016

Derrota na jornada anterior com Recreativo da Cala por 1-2 constitui j passado a esquecer

Fotografia: Jos Soares

O Progresso do Sambizanga trabalha desenvolve o trabalho de treino no relvado do Estádio da Cidadela,  casa oficial na condição de visitado, com vista  o jogo diante do Atlético Sport Aviação (ASA), referente à 11ª jornada do Girabola Zap.

A razão da troca do local de trabalho, Complexo Desportivo Escolar, pela Cidadela, tem a ver com a adaptação à relva, já que no seu reduto tem implantada relva sintética.

O veterano Avex disse que a equipa  trabalha no seu máximo para dar alegria aos seus adeptos. "Estamos a procurar refazer-nos  e esquecer rapidamente a derrota da jornada passada diante do Recreativo da Caála que para nós foi muito triste, aconteceu aquando nos minutos de compensação na marcação de um canto, sofremos um auto-golo", reconheceu..

Avex acrescentou que apesar disso, o grupo está de cabeça erguida para receber o ASA, num desafio à procura de uma vitória que pode ser muito útil para as ambições dos "sambilas".

Com o espírito colectivo, uma vez que os seus objectivos passam por fazer melhor para superar a classificação da época anterior, Avex referiu que encaram todas as partidas com a mesma postura, embora anteveja jogos muito difíceis.

"Apesar do momento em que atravessa o adversário, que procura a todo o custo por uma vitória, acredito que nós também temos os nossos objectivos na competição, só nos interessa  a vitória" disse.

Na verdade, a derrota sofrida na jornada anterior diante do Recreativo da Caála por 1-2, não enfraqueceu o grupo às ordens de Albano César.
 Apesar de uma missão nada fácil, a equipa técnica quer fazer tudo no sentido de adequar a equipa aos fundamentos suficientes, para devolver a alegria que os "sambilas"  proporcionaram aos seus adeptos nas  jornadas anteriores em que conquistaram uma vitoria, com realce na ronda nove em que venceram o Interclube  por 2-1 no Estádio dos Coqueiros .

Por esta razão, ao longo da semana de preparação, além do trabalho técnico e táctico, a equipa técnica vai abordar  efeitos positivos que uma vitória sobre o ASA pode trazer ao grupo.

A jogar com um adversário que vem de sete derrotas, os pupilos  de Albano César esperam por uma missão difícil e e neste final de semana a julgar pelo orgulho do seu oponente e em função disso, durante a semana de trabalho, os jogadores e a equipa técnica vão aplicar-se ao fundo com o objectivo de conquistar os três pontos.