Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Sonhar em Mbabane

JORGE NETO - 14 de Maio, 2018

No outro jogo, a formação do Étoile Sportive du Sahel da Tunísia recebe o Zesco United da Zâmbia, partida em que a equipa da casa é favorita ao triunfo.

Fotografia: SANTOS PEDRO/ EDIÇÔES NOVEMBRO

Conquistar a primeira vitória na competição é o principal objectivo da equipa do 1º de Agosto, quando defrontar amanhã às 14h00 a formação do Mbabane Swallows de eSwatini (ex-Suazilândia), no estádio Mavuso,  partida referente à segunda jornada da série D, da fase de grupos da 22ª edição da Liga dos Clubes Campeões Africanos.
Depois do empate caseiro, de um golo com o Étoile Sportive du Sahel da Tunísia, os bicampeões nacionais têm a missão de ganhar fora de portas, ou pontuar diante de um adversário moralizado com a divisão de pontos, em casa do Zesco United da Zâmbia.
A formação orientada pelo sérvio Zoran Maki, deixou o país na sexta-feira  rumo à África do Sul, para realizar um mini -estágio de dois dias e preparar-se melhor para a importante deslocação.
Os agostinos reconhecem que vão ter um adversário difícil pela frente, que pratica um futebol diferente ao dos tunisinos, daí, que trabalharam todos os pormenores do jogo para não serem surpreendidos. O Mbabane Swallows é uma equipa habituada a marcar golos. Foi assim nas eliminatórias de acesso e na primeira jornada desta competição, pelo que o sector defensivo, comandado por Dani Massunguna, deve prestar a máxima atenção aos avançados.
Em relação ao ataque militar, a equipa técnica trabalhou com alguma insistência na finalização, o grande \"bico d´obra\" do conjunto, porque criam inúmeras oportunidades, mas a falta de eficácia teima em fazer morada.
Os rubro - negros sabem, que têm de dar o máximo, para contraporem o adversário no seu terreno, apesar de não contar com as participações de Natael, Nelson da Luz, Chow , Gogoró e Razaq, o plantel está motivado e determinado em registar um bom resultado.
Com a consciência de que nesta competição não existem adversários fáceis, os campeões nacionais vão com  a \"lição estudada\" para fazer história, que era somar uma vitória fora de portas, para manter acesa a crença de atingir outras fases da competição, ou seja, os quartos -de -final.
No outro jogo, a formação do Étoile Sportive du Sahel da Tunísia recebe o Zesco United da Zâmbia, partida em que a equipa da casa é favorita ao triunfo.