Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Sporting de Cabinda falha viagem ao Lubango

Benigno Narcisco, no Lubango - 29 de Abril, 2019

Duelo entre Militares da Regio Sul e Lees do Norte adiado

Fotografia: Jornal dos Desportos

O desafio entre o Desportivo da Huíla, terceiro classificado do Girabola Zap 2018/2019, com 44 pontos, e o Sporting de Cabinda que devia efectuar-se ontem, a partir das 15h30, no Estádio do Ferroviário, no Lubango, a contar para a 28ª jornada da competição, está adiado e sem data definida quanto à sua realização.
A não concretização do encontro deveu-se à alegadas dificuldades enfrentadas pela direcção do clube verde e branco, de fretar uma aeronave para transportar o Sporting de Cabinda, no sábado, a partir da cidade situada no ponto mais ao Norte do país para o Lubango.
A impossibilidade do adversário deslocar-se à capital huílana, à tempo para a realização do jogo ontem, apanhou de surpresa a direcção do clube afecto à Região Militar Sul, cuja equipa estava preparada para actuar, situação que causou embaraços à equipa técnica, aos atletas e à planificação financeira, devido aos gastos para a organização do referido desafio.
 “Estamos a comunicar, que o jogo entre a equipa principal de futebol do Clube Desportivo da Huíla e o Sporting de Cabinda foi adiado, devido às dificuldades de transporte da equipa adversária. Não sabemos, para qual data fica remarcada a realização desse jogo”, comunicou ontem à imprensa, no Lubango, Victor Carlos, membro da área de Comunicação e Marketing do Desportivo da Huíla.
O adiamento da partida, eleva para dois o número de jogos em atraso  por realizar,  pela equipa de Mário Soares. Os militares da Região Sul têm uma deslocação ao Moxico, para defrontar o FC Bravos do Maquis, encontro referente à 16ª jornada (primeira da segunda volta) que não se realizou na altura, à pedido da equipa do Leste do país.
Diante deste quadro, a direcção do Desportivo da Huíla aguarda, agora, a definição e comunicação atempada das datas pela Federação Angolana de Futebol (FAF), de modos a proceder com antecedência aos reajustes que se impõem, na planificação financeira e organizativa e com isso evitar constrangimentos à equipa técnica, numa altura em que o campeonato corre para o término, pois, restam só duas jornadas por disputar.