Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Tcnico do Desportivo "estuda" Petro

Benigno Narciso-Lubango - 09 de Março, 2020

Fotografia: Jornal dos Desportos

As atenções com relação ao jogo com o Petro de Luanda, adversário de quarta-feira, em Luanda, para acerto da 18ª jornada do Girabola Zap 2019/2020, foram relegadas para  “dia seguinte”, pelo técnico do Desportivo da Huíla, Mário Soares, que preferiu primeiro saborear o triunfo, 1-0 sobre o Progresso do Sambizanga, obtido no sábado, no Estádio do Ferroviário, no Lubango, para a 23ª jornada da prova.
Mário Soares dedicou o triunfo sobre o Progresso do Sambizanga, ao 22º aniversário do clube afecto à Região Militar Sul, que se assinalou no sábado, deixou claro que a preparação da estratégia passa por efectuar um estudo pormenorizado da maneira do Petro de Luanda se apresentar.
“Vamos ainda digerir, ou melhor, saborear essa vitória, e depois, a partir de amanhã (ontem), começarmos a pensar no Petro de Luanda. Vamos estudar bem a maneira do Petro se apresentar”, referiu.
O técnico dos militares da Região Sul, equipa envolta numa grande rivalidade com o Petro de Luanda, devido ao alegado “compadrio” e ligações administrativas que mantém com o 1º de Agosto, preferiu tecer referências ao adversário de quarta-feira,  horas antes do embate, na antevisão do desafio e depois do estudo a ser realizado ao oponente. Mário Soares disse acreditar, que após o estudo, pode descrever melhor as virtudes e defeitos do adversário.
“Creio que na antevisão ao jogo, com mais pormenores, podemos falar do Petro de Luanda”, disse o técnico.
Ao avaliar o desempenho da equipa, no triunfo do jogo com o Progresso, Mário Soares referiu que o jogo foi disputado no dia da fundação do clube, instituído a 7 de Março de 1998, foi para se ganhar e não jogar e que a colectividade desportiva merecia a vitória.
“Há jogos que são para se ganhar e não são para se jogar. E, este jogo com o Progresso do Sambizanga, sendo o nosso dia, mereceria uma vitória. Os atletas interiorizaram, queriam vencer para felicitar a nossa jovem agremiação, que tem 22 anos e tem estado a dar muitas alegrias à província da Huíla. Então, parabéns ao Desportivo da Huíla. É uma vitória bem merecida, da nossa parte”, descreveu.