Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Tcnico incentiva estreia de Cuca

Avelino Umba - 27 de Abril, 2016

Nmero 15 do Progresso comeou na equipa principal com uma exibio que agradou a equipa tcnica apesar de falhar um penalti

Fotografia: Paulo Mulaza

O técnico do Progresso Sambizanga, considerou positiva a estreia do 'baixinho' Cuca no jogo frente ao Interclube, apesar do jogador ter falhado a grande penalidade.

Albano César assumiu que o jovem de 20 anos de idade mereceu a confiança da equipa técnica por tudo que fez ao longo da preparação e o facto de ter falhado a penalidade, não belisca a confiança depositada em si.

O treinador minimizou o que aconteceu no primeiro jogo oficial do atleta e reafirma a sua confiança no valor e potencialidades de Cuca para os compromissos que se avizinham. Sublinhou que o jogador entrou confiança e transmitiu esta mentalidade aos colegas.

"Os grandes jogadores também falham penaltis e o Cuca, um jovem que estamos a lançar, é normal que o aconteceu. Vamos contar sempre com ele para fazer o seu melhor e se for possível voltar a marcar outra grande penalidade, e acredito que poderá marcar" disse o técnico confiante.

Acrescentou que seria bom se marcasse para coroar a sua estreia, mas como não aconteceu esperemos que nos próximos jogos consiga materializar e provar que tem talento para fazer parte do plantel .

"Seria uma estreia briosa se não falhasse e começasse com golo. É um jovem que lançamos esta época, mas a sua estreia não correu bem para o seu lado, contudo, vamos continuar acreditar no miúdo e a contar com ele nos próximos jogos" disse o técnico bastante confiante. 

Reafirmou, por outro lado, que o jogador precisa apenas de conquistar o seu lugar, transmitir confiança ao grupo e responder de forma positiva as oportunidades que lhe forem concedidas nas próximas partidas.

"É um jogador como outros que foram promovidos para a equipa seniores e que precisam de cativar os seus lugares no plantel. Vamos continuar a trabalhar no sentido de aproveitar todos, desde que nos dêem confiança e tranquilidade para podemos contar com eles" precisou.

Albano César, disse ainda que há muita coisa que tem que se explicar tacticamente aos jogadores para melhorarem a cada dia que passa. "Temos que explicar muitas coisas aos jogadores e a partir daí concedermos mais oportunidades aos garotos", destacou.


REGRESSOS
Sambilas trabalham
com grupo completo


 A integração de Yano, Lawrence e Luís Paulino no de grupo de trabalho, são as notas de destaque na preparação do Progresso Sambizanga para o jogo deste sábado, às 15H30', no Estádio Mártires da Kanhala, frente ao Recreativo da Caála.

Apesar da sua inclusão dos referidos jogadores no plantel, nada ainda está definido quanto a utilização dos mesmos na difícil deslocação ao Huambo.
O trio de atletas com alguma influência no desempenho da equipa deixa o técnico com mais opções para os objectivos que perseguem, não obstante os sambilas terem vencido nas últimas jornadas sem estes atletas.

Tratando-se de jogadores dos três sectores e com qualidade técnicas reconhecidas, a integração na equipa é uma mais valia que deixa o Progresso Sambizanga mais forte e com capacidade para dar a volta as adversidades.

De resto, a recuperação destes atletas além dos ganhos e dividendos que a equipa técnica pode retirar, vai permitir aumentar o despique no plantel o que é salutar para qualquer grupo de trabalho.            


ALBANO CÉSAR
"O atleta tem tudo para triunfar"


O treinador afirmou sem receio que o lateral direito Cuca tem tudo para triunfar na equipa sambila. O jogador promovido este ano para os seniores, esperou com muita expectativa a oportunidade concedida.

"É um atleta que tem tudo para brilhar, agora só depende dele. Temos concedido todo o nosso apoio e acreditamos que ele vai vingar", admitiu

Os adeptos consideram-no como um menino frio, muito concentrado e que sabe jogar a bola, tratando a mesma com uma certa intimidade. Entre os seus atributos estão ainda a rapidez, o bom jogo nos seus pés a forma como aborda as jogadas dentro das quatro linhas.

O 'baixinho' já era sondado na era de David Dias no comando, quando já mostrava credenciais ao serviço da segunda equipa com apenas 15 anos de idade, ou seja, de 2011 a 2013.
Formado na Escola do Progresso Sambizanga, onde se notabilizou com os seus dribles, potencialidade e empenho na preparação com muita humildade conquistou a simpatia de todos com quem trabalha todos os dias.

O jovem de 20 anos, abordado pelo JD, limitou-se apenas a dizer a sua integração não o surpreende porque sempre trabablhou para que tal acontecesse, mas reconhece que ainda tem muito que aprender.

"Aos 14/15 anos já tinha muita qualidade e as equipas técnicas do Progresso Sambizanga sempre concederam o apoio, ensinando o ABC da bola" disse.                                    AU