Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Técnico considera estágio positivo

14 de Junho, 2017

Kabuscorp criou sempre dificuldades.

Fotografia: Jornal dos Desportos! Edições Novembro

O técnico - adjunto do Kabuscorp do Palanca, Quim Manuel, considerou positivo o estágio de cerca de 21 dias que a equipa realiza até sexta-feira no Lubango, com vista à segunda volta do Girabola Zap 2017.

Em declarações à imprensa, no final do último jogo de controlo realizado no sábado no Estádio do Ferroviário da Huíla em que golearam, por 11-0, o Atlético do Lubango, o adjunto de Romeu Filemon justificou que a preparação serviu para maximizar a vertente física, técnico -táctica e competitiva do grupo.

“O estágio foi positivo. Durante a nossa estada realizamos dois treinos por dia. Na parte matinal, trabalhámos o aspecto físico, e no período da tarde a componente técnica e táctica. Realizámos um número de jogos de controlo que permitiu potenciar a vertente competitiva da equipa”, balançou o técnico.

Para esta derradeira semana do estágio, na capital huilana, a formação do Palanca trabalha em regime fechado, sem acesso da imprensa aos trabalhos. O foco das sessões de treino durante a semana finda esteve centrada  no aprimoramento da estratégia para o desafio diante da Académica do Lobito, no fim-de-semana, a contar para a 16ª e primeira jornada da segunda volta do Girabola Zap 2017.

Para a semana derradeira do estágio, Romeu Filemon e seus colaboradores colocam de fora a possibilidade de realização de mais qualquer jogo de controlo. Assim, o grupo dedica-se a potenciar as virtudes ofensivas, defensivas e à correcção dos aspectos negativos registados durante o estágio, de modos a alcançar a perfeição competitiva antes do jogo com a formação do Lobito.

Ainda assim, Quim Manuel fez uma previsão envolta em dificuldades, para o jogo com a Académica. A previsão do grau de dificuldades não belisca a ambição natural de vencer. Por isso, o objectivo passa pela conquista do triunfo. “É um jogo de campeonato como outro. Será com a Académica do Lobito, uma equipa que em todas as ocasiões que jogou com o Kabuscorp criou sempre dificuldades. Temos de nos preparar e organizar, fazer o nosso futebol para ver se saímos vitoriosos”, perspectivou.Begnino Narciso, no Lubango