Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Tcnico reala qualidade dos reforos

Val?dia Kambata - 28 de Junho, 2017

O treinador revelou que conta com todos os jogadores do plantel

Fotografia: Jornal dos Desportos

O timoneiro do Interclube manifestou a sua satisfação pela qualidade dos reforços  contratados para a segunda volta do Girabola, e está confiante numa ponta final, ao nível do previsto. Paulo Torres garante que as novas aquisições foram propostas pela equipa técnica, e acredita numa rápida adaptação dos referidos atletas.

\" São os reforços que eu e a minha estrutura idealizámos, para atacar a segunda volta\", confirmou o técnico português. Para a etapa derradeira da época, os polícias vão atacar com o avançado ghanês Arthur (ex-Wa All Star do Ghana), os médios Serge Roland (ex-Missile da Costa do Marfim), Duarte (ex-Petro de Luanda ), Nandinho (ex-Kabuscorp do Palanca ) e o defesa direito Miguel (ex-Petro de Luanda ).

O responsável técnico da equipa do Rocha Pinto está satisfeito com a entrega dos jogadores nas sessões de treino, mas adverte que a preparação é uma coisa, e os jogos outra. \"Uma coisa é o treino diário, e outra é a competição oficial. Ainda assim, acredito no potencial dos mesmos. Pode não ser para agora, mas são jogadores a ter em conta ao longo da época, e no futuro\", salientou.

Torres enalteceu a postura dos reforços, acredita na rápida adaptação dos atletas contratados. \"Temos um grupo de trabalho organizado, e por isso, os jogadores que vêm de fora estão numa fase de adaptação do modelo, e dos processos desenvolvidos\", explicou.

Para o técnico dos polícias, a vinda dos cincos reforços permite termos um plantel mais equilibrado. \"Teremos um grupo de trabalho melhor organizado e equilibrado. \"São jogadores que individualmente têm muita qualidade, e estão dentro do perfil que definimos, para reforçar o nosso plantel\", destacou.

Para não jogarem sobre pressão, o técnico garante que a introdução de novos atletas na equipa inicial, será feita com alguma cautela. \"Não vamos acelerar os processos, pois, temos uma equipa mecanizada, e que neste momento está compacta. Por isso, os jogadores que chegam, é para acrescentar, e praticar um bom futebol\", sublinhou. 

O treinador revelou que conta com todos os jogadores do plantel, para atingir os objectivos traçados pela direcção, que passa pela conquista do campeonato e da Taça de Angola, uma tarefa árdua para os polícias, que esperam dar o melhor para atingirem tal desiderato.

\"Conto com todos os jogadores disponíveis, aliás, no jogo com o Sagrada Esperança alguns dos reforços jogaram, mas não a titular. Como sabe, a palavra reforço pode ser interpretada de muitas maneiras. Na visão de quem está fora, é de que com estes atletas a equipa já melhorou\", precisou.

\"Os reforços ainda não jogaram de início, e só com o decorrer da segunda volta vamos ver se na realidade, são os que eu e a minha estrutura realmente idealizámos. Volto a repetir, uma coisa é o treino diário, e outra é a competição oficial. Acredito no potencial dos mesmos. Pode não ser para agora, mas são atletas a ter em conta num futuro breve\", avançou.

Com a contratação de cinco reforços, a direcção dos polícias dispensou os pontas -de -lanças Chico e Chilo, os médio Bruno e Dalie Chabó, este último proveniente do Etoile do Congo. Os jovens António e Gugu, promovidos esta época ao escalão de seniores, foram  emprestados a outros clubes.