Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Tenho monitorado jogadores do Girabola

Paulo Caculo - 16 de Fevereiro, 2019

Fotografia: Santos Pedro

O seleccionador nacional, Srdjan Vasiljevic, afirmou que os futebolistas desejosos em integrar a Selecção Nacional, que disputa a eliminatória de qualificação ao Campeonato Africano das Nações (CAN) do próximo ano, têm de justificar qualidades para estarem na convocatória.
O técnico sérvio assegurou estar satisfeito com o grupo de trabalho às suas ordens, destacou ser um colectivo bom que forma uma boa equipa, ao nível dos níveis de exigência desejados. Posso afirmar, que tenho um grupo bom, em que é difícil entrar.
Todos os atletas que desejarem entrar na selecção, têm de demonstrar qualidade para merecerem um lugar, disse, recentemente, Srdjan Vasiljevic em declarações prestadas à imprensa. Os jogadores quando vêm devem ser os melhores, porque esta é a selecção nacional e de quem os adeptos esperam bons resultados. Srdjan Vasiljevic garantiu, por outro lado, que a selecção evolui progressividade, tem crescido bastante, embora, sinta que precisa de ser mais apoiada pelas autoridades angolanas.
 "Quando digo que a selecção precisa de apoio, não estamos a falar do público, que já está a dar o seu apoio. É difícil vencer três jogos seguidos em casa, contra adversários sérios e temos de estar cientes disso. É uma grande pressão e obrigação e responsabilidade.
 O que seria de nós se não tivéssemos vencido o Botswana? Acho que teríamos perdido a ambição, aconteceria um caos e todos perderiam a esperança", referiu.
O seleccionador confessou, ainda, estar a observar muitos jogadores que evoluem no Girabola Zap, e também nos campeonatos europeus. \"Tenho estado a monitorar os jogadores do Girabola, de formas a permitir que se faça concorrência para entrar a selecção. Da mesma forma que estou a monitorar jogadores na diáspora, porque temos um enorme potencial no exterior do país, é necessário transmitir motivação e apoio. Deve-se demonstrar a estes homens, que devem levar à glória do futebol angolano, sublinhou o técnico sérvio.