Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Zeca Amaral observa maquisardes

Daniel Melgas , no Luena - 25 de Março, 2017

Zeca Amaral tem amanhã o primeiro contacto com a sua nova equipa

Fotografia: Jornal dos Desportos

O objectivo dos jogos em Luanda é o de manter níveis competitivos, atléticos e físicos  da equipa. Os maquisardes, nono classificado com oito pontos na tabela do Girabola  Zap 2017, pretendem defrontar igualmente o Atlético Sport Aviação (ASA), 14º colocado do campeonato, com quatro pontos, devendo regressar ao Luena na quarta-feira próxima, já com o treinador Zeca Amaral. 

Este foi o motivo que levou a direcção do clube a adiar a apresentação oficial do novo técnico do FC Bravos do Maquis, Zeca Amaral, aos jogadores, sócios e adeptos, que deveria acontecer na passada quarta-feira.

Zeca Amaral, que assinou para um ano e mais um de opção, rende João Pintar da Silva, preterido pela direcção por maus resultados, pois em sete jogos obteve duas vitórias, três derrotas e dois empates, totalizando oito pontos, na 9ª posição, ou seja, em 21 pontos possíveis, conquistou oito, contrariando a pretensão os dirigentes do grémio do Moxico, que queria, por esta altura, chegar aos 12/14 pontos.

O antigo seleccionador nacional, que regressa para comandar os maquisardes, depois do inédito terceiro lugar, em 2013, estreia diante do Desportivo da Huíla (10º com sete pontos), na 8ª ronda do Girabola Zap 2017, no Lubango.

A equipa do FC Bravos do Maquis, até ao momento, está a ser orientada pelo ex-internacional angolano Gilberto Amaral, um dos adjuntos de Zeca Amaral.

A formação do FC Bravos do Maquis, cuja direcção almeja uma boa posição no campeonato deste ano, regressa na quarta-feira ao Moxico, onde vai dar sequência o trabalho para os próximos compromissos.