Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

1º de Agosto defronta dois adversários

20 de Janeiro, 2017

No primeiro teste nas Terras de Ombaca os militares demonstraram ainda muitas insuficiências

Fotografia: José Cola

A equipa do 1º de Agosto disputa dois jogos amistosos no próximo sábado, diante da Académica do Lobito e do Progresso do Sambizanga, respectivamente, no estágio de pré-época, que os campeões nacionais realizam na província de Benguela, até ao dia 28 do corrente mês, visando as quatro competições em que vão estar envolvidos este ano, Supertaça, Girabola Zap, Taça de Angola e as eliminatórias de acesso à fase de grupos da Liga dos Clubes Campeões Africanos.

 O conjunto às ordens do técnico bósnio Dragan Jovic enfrenta no mesmo dia dois adversários no estágio, no período da tarde os estudantes e à tarde os sambilas, uma situação que de acordo uma fonte do clube, contactada, ontem, pelo Jornal dos Desportos, considerou de normal, tendo em conta os objectivos que a equipa técnica almeja nesta segunda etapa da preparação dos rubro e negros. Estes são os próximos amistosos já garantidos pelos agostinos, depois de terem defrontado e perdido diante do Sagrada Esperança da Lunda Norte, por 1-2, no último domingo, no primeiro teste nas Terras de Ombaca. Neste apronto os militares demonstraram ainda muitas insuficiências, sobretudo no meio-campo e no ataque, onde tiveram inúmeras dificuldades para encontrar os melhores caminhos para a baliza adversária.

Ao longo desta semana estão a procurar melhorar os aspectos ligados a segurança defensiva, a circulação de bola, as jogadas ensaiadas, cruzamentos para a área e a finalização, sem contudo, descurar a vertente física, que os jogadores demonstraram estar alguns furos abaixo no teste de estreia diante da formação diamantífera. Nesta altura, os 26 jogadores que compõem o plantel militar para a época de 2017 treinam sem qualquer limitação de ordem física, ou seja, lesões, e procuram corresponder com às expectativas da equipa técnica, principalmente os reforços contratados este ano, que terão a difícil missão de fazer esquecer as duas coqueluches que deixaram o clube, no final da época passada, indo para o Sporting Clube de Portugal.

De resto, apesar do foco ser o conjunto no seu todo os novos "recrutas", Guelor, Medá, Diogo e Vado (médios ofensivos), Natael, Bobó (defesas centrais) terão de provar as razões pelas quais despertaram o interesse da equipa técnica agostina.