Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

1 de Agosto embarca hoje para Joanesburgo

Antnio de Brito - 21 de Dezembro, 2020

Ivo Traa treinador adjunto dos tetracampees nacionais

Fotografia: Paulo Mulaza | Edies Novembro

A equipa do 1º de Agosto, tetracampeã nacional, viaja esta manhã para a cidade de Joanesburgo, visando o jogo com o Kaizer Chiefs da África do Sul, na quarta-feira, válido para a primeira “mão” da última eliminatória de apuramento à fase de grupos da Liga dos Clubes Campeões Africanos de Futebol.  
Com base na importância do desafio, o conjunto do Rio Seco realiza esta tarde um treino ligeiro. O técnico Paulo Duarte privilegia a condição física dos jogadores que se consubstancia em alongamentos, abdominais e corridas.
Amanhã, às 17h00, a equi-pa angolana realiza o habitual treino de reconhecimento à relva do Estádio FNB, Soccer City. O treinador português vai incidir a preparação da equipa  na melhoria dos fundamentos físicos e técnicos, porquanto esconde a táctica de jogo.

Equipa motivada
A equipa treinada por Paulo Duarte parte motivada para a “Operação Kaizer Chiefs”, apesar de antever um jogo difícil em casa do oponente.
“A convicção é forte e todos estão unidos à volta do objectivo: vencer ou empatar. Temos a consciência de que não será fácil, jogaremos no reduto do adversário. Fizemos uma excelente preparação em busca de um resultado positivo. Conhecemos os pontos fortes e fracos do adversário e procuraremos obter maior proveito”, garantiu ao Jornal de Angola, o técnico-adjunto Ivo Traça.
À semelhança das três últimas edições, o campeão angolano pretende manter ou melhorar o 14º lugar do ranking africano de clubes.
“Esse é o espírito que nos move. Uma equipa com a dimensão do 1º de Agosto tem de estar sempre nos lugares cimeiros do ranking de clubes da CAF. Para que tal aconteça, temos de fazer parte das equipas qualificadas para a fase de grupos. Nessa fase, procuraremos atingir as melhores posições, como foi em 2018, em que fomos eliminados nas meias-finais injustamente pelo árbitro zambiano”, lembrou Traça.
Para o jogo com o Chiefs, o técnico Paulo Duarte já tem uma ideia formada sobre o “onze” provável a utilizar: Neblu à baliza; laterais Isaac (direita) e Paizo (esquerda), duplas de centrais, Bobó e Dany Massunguna; médios trincos Macaia e Mário Balbúrdia; médios flanqueadores Brayan Moya, Ipamy ou Buá e, no ataque, a aposta recai em Zine e Mabululu, num claro 4-4-2. 1º de Agosto e Kaizer Chiefs defrontam-se pela primeira vez em jogos oficiais.