Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

1 de Agosto na Zmbia com Geraldo como reforo

Jorge Neto - 16 de Julho, 2018

Com o regresso do canhoto a equipa tcnica ganha mais opes nas aces ofensivas

Fotografia: Edies Novembro

O avançado Geraldo embarcou ontem com a equipa do 1º de Agosto para Zâmbia, via Joanesburgo, num sinal de que pode ser opção no desafio de amanhã, às 16H00, diante da formação do Zesco United local, no Estádio Levy Mwanawasa, em partida referente a 3ª jornada da série D, da fase de grupos da Liga dos Clubes Campeões Africanos.
O experiente jogador falhou os dois últimos jogos do conjunto militar no Girabola Zap,  nos empates diante do Sporting de Cabinda e do Recreativo do Libolo, por estar a recuperar de uma lesão no tornozelo.
Com o regresso do canhoto a equipa técnica ganha mais opções nas acções ofensivas e pode ser uma das soluções para marcar os golos que os bicampeões nacionais precisam para ganhar o jogo e deixar de partilhar a última posição da tabela de classificação do seu grupo, onde soma apenas um ponto, curiosamente com a formação do Zesco United.
Apesar da onda de empates em que estão envolvidos, excepto a goleada averbada ao Kabuscorp do Palanca por 5-0, os pupilos do sérvio Zoran Maki acreditam que podem começar a escrever uma nova história a partir deste jogo.
Hoje, os rubro e negros reconhecem o Estádio Levy Mwanawasa, palco do desafio, com uma capacidade para cerca de 49 mil espectadores, cujas bancadas poderão estar bem preenchidas, a julgar pelo apoio que os adeptos zambianos gostam de prestar a sua equipa.
De fora da convocatória ficaram o guarda-redes Neblú, o lateral esquerdo Natael, o extremo Nelson da Luz, todos a recuperar de lesões, enquanto o jovem avançado Melono, que tem vindo a ser titular no Girabola não está inscrito nesta competição.
Os militares partiram com o sentimento de confiança em alta, apesar dos últimos resultados pouco convincentes, mas reconhecem que a Liga dos Clubes Campeões é uma competição diferente, uma monta para eles próprios se mostrarem no panorama do futebol africano e não só.
Os agostinos vão enfrentar duas vezes a formação zambiana numa dupla jornada e estão conscientes de que a continuidade na competição depende muito do resultado que fizerem amanhã no estádio Levy Mwanawasa.
Para este desafio o técnico Zoran Maki convocou os seguintes 18 jogadores: Tony Cabaça, Julião, Dani Massunguna, Bobó, Yisa, Isaac, Paizo, Bonifácio, Mingo Bile, Show, Guelor, Gogoró, Buá, Mongo, Ibukun, Geraldo, Razaq e Jacques.