Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Angola decide continuidade com a Tanznia

18 de Abril, 2019

Angolanos jogam no s�bado em Dar - Es - Salaam

Fotografia: Agostinho Narciso | Edi��es Novembro

A Selecção Nacional de Sub-17, define no sábado às 16h00, no Estádio nacional de Dar - Es - Salaam, a continuidade no Campeonato Africano da categoria, quando defrontar os anfitriões, Tanzânia, partida referente à terceira jornada do Grupo A.
Depois da derrota de ontem, no jogo com a Nigéria, o combinado nacional joga a cartada final, para cumprir o primeiro objectivo definido na competição,  partida em que se espera um elevado grau de dificuldades, atendendo ao factor casa do adversário.
Desperdiçada a oportunidade de carimbar de forma antecipado o passe para a outra fase, o conjunto orientado por Pedro Gonçalves, não obstante reconhecer as pretensões dos anfitriões, tem potencial para augurar chegar à meta traçada.
Diante dos nigerianos, favoritos da série, que dispensam  apresentação, os angolanos jogaram de igual para igual e deram boa réplica ao oponente. Pelo que os palanquinhas evidenciaram, o empate seria o resultado mais justo.
O único golo da partida, foi marcado por Segun, aos 20m, de grande penalidade, a castigar a infracção do defesa do combinado nacional, Gegé, que acabou expulso aos 52m, por acumulação de cartões amarelos.
Na abertura da prova, Angola derrotou o Uganda, por 1-0, partida em que demonstrou maturidade, disciplina e rigor táctico, que surpreendeu pela positiva, sem dar qualquer hipótese ao adversário.
Na outra partida, aguardada com muita expectativa e disputada sob o signo do equilíbrio, a Nigéria ultrapassou a anfitriã Tanzânia, por 5-4, resultado que deixou a equipa verde e branca na liderança e com um pé nas meias-finais, confirmada com o triunfo de ontem.
Com duas vitórias, os penta - campeões mundial da categoria,  apuram-se, automaticamente,  para o Campeonato do Mundo, a disputar-se de 17 de Setembro a 8 de Outubro. O Mali é o detentor do título, no continente, ganhou a edição passada no Gabão.