Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Angola derrota Zmbia em casa

Paulo caculo - 15 de Janeiro, 2018

Seleco angolana com pendor mais forte que os zambianos no primeiro confronto das eliminatrias para os Jogos da Juventude de Buenos Aires

Fotografia: M Machangongo/ Edies Novembro

A Selecção Nacional de futebol de salão de sub-18 conseguiu ontem uma vantagem que abre boas perspectivas de qualificação  para a  segunda fase da eliminatória de qualificação aos Jogos Olímpicos da Juventude da Argentina, ao derrotar a sua congénere da Zâmbia por 6-3,  jogo a contar para a primeira mão, disputado no Pavilhão da Cidadela.
O jogo teve duas partes distintas, Angola começou mal o desafio com os pupilos de Rui Sampaio a transparecer nervosismo. Em face disso, a Zâmbia com alguma naturalidade inaugurou o marcador aos cinco minutos, por intermédio de Jimmy Mukeya, na sequência de uma jogada rápida e de belo efeito.
A desvantagem ajudou os angolanos a despertar, e na passagem do minuto 10 passou a assumir as rédeas do jogo, atacou mais e melhor, com destaque para as criatividades do capitão Teodoro, que acabou por estabelecer o empate, aos 12m.
Depois da igualdade, a equipa deu a volta por cima. Em três minutos marcaram o mesmo número  de golos, por intermédio de Vasco, aos 13m, Teodoro aos 14m e Delgado aos 15m, que dilatou para 4-1 a vantagem do combinado nacional, antes do intervalo. Na segunda parte a selecção nacional manteve a toada atacante, mas esqueceu-se da defesa. Os pupilos de Rui Sampaio cometeram erros que acabaram por serem fatais, sobretudo em períodos que parecia estar o jogo controlado. Ao contrário dos primeiros 20 minutos, os angolanos foram muito perdulários no ataque e também consentiram mais golos, facto que deixou o seleccionador inconformado.
Apesar de entrar a marcar, com bis de Leandro, aos 10m e 13m através de Kafwimbi Salomon, que também bisou na partida.
Em relação a Angola fica a imagem de um conjunto com futuro promissor na eliminatória, embora, deixe transparecer a ideia de precisar de mais um ou dois jogadores para os sectores fundamentais. Quanto a Zâmbia, deixou no jogo a impressão de que pode criar mais dificuldades aos angolanos no desafio da segunda mão, agendado entre os dias 26 e 28 deste mês, em Lusaka.

EQUIPAS
ANGOLA: Reveldinho; Rui Manuel,Teodoro, Estácio, José Delgado, Victorino, Fernando, Vasco, Floreano, Edileuson, Leandro, Joseph e Pedro.

ZÂMBIA:
Samson; Kelvin, Omary, Jimmy, Francis, Kafwimbi, Stainly, Bwalya, Mathew e Hendrick.

OPINIÃO DOS TÉCNICOS
Começámos apáticos


Rui Sampaio (Angola)-Podemos dizer que tivemos três partes diferentes neste jogo. Começamos muito apáticos e já esperávamos isso, visto que os jovens acusaram um bocado a responsabilidade. Depois, jogámos o que trabalhamos e soubemos fazer. Acho, que devido a idade, os garotos pensaram que o jogo tinha terminado e de forma infantil sofremos mais dois golos, que nos pode condicionar. Não estamos a disputar a eliminatória com uma equipa qualquer. A Zâmbia tem uma boa selecção.

“Estamos optimistas”


Brian Kunbanama(Zâmbia)-Este resultado de 6-3, naturalmente, que ainda nos dá uma oportunidade de dar a volta a desvantagem. No futebol de salão, os golos são marcados muito rápidos, de maneiras que estamos optimistas em marcar ainda muito mais golos.
Angola tem uma boa equipa, tiveram um bom desempenho e gostei de vê-los jogar. Pareceu-me estarem ao nível de uma equipa sénior. Estão de parabéns.

GELSON MARTINS
Liverpool oferece proposta milionária


O Sporting admite negociar a transferência de Gelson Martins, nesta altura da temporada, se os valores envolvidos  aproximarem-se de 60 milhões de euros, que estão fixados na cláusula de rescisão, mas o Liverpool está determinado e pode apresentar uma proposta que praticamente multiplica por cinco o salário que o extremo aufere nos leões, de acordo com o "Correio da Manhã".
Os “reds” elegeram o jovem internacional português para ocupar a vaga deixada em aberto por Philippe Coutinho - transferido para o Barcelona por 120 milhões de euros (valor fixo) - e oferecem cinco milhões de euros por ano, uma verba que agradou a Gelson Martins, citando ainda o artigo.
No que toca ao Sporting, o valor que o clube inglês propõe  pagar pela transferência, anda ainda longe do pretendido. O 'CM' fala em cerca de 30 milhões de euros.
O interesse do Liverpool e de outros grandes clubes europeus por Gelson Martins não é novo.