Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Benfica do Lubango rejeita competir

Gaudncio Hamelay - Lubango - 14 de Fevereiro, 2019

Fotografia: Edies Novembro

O Sport Lubango e Benfica não vai defrontar no sábado, às 15h30, O Clube Desportivo da Huíla,  desafio a contar para os 16 avos de final da Taça de Angola. A garantia foi dada ao Jornal dos Desportos,  pelo presidente do clube da águia, Jacks da Conceição, que informou  em momento algum a Associação Provincial de Futebol da Huíla (APFH) notificou à direcção, como representante da província na competição.  

“Em momento algum o Sport Lubango e Benfica predispôs-se junto da Associação (APFH), que é o seu órgão representante junto da FAF, que nós (Benfica do Lubango) estávamos em condições de fazer a competição. Primeiro, nós temos que orçamentar para que possamos estar coesos e nos fazermos representar com dignidade e  profissionalismo nesta prova”, fundamentou.

O “número um” do conjunto encarnado das terras altas da Chela afirmou, que sobre a Taça de Angola já está descartada a hipótese de marcar presença. 

“Foi a primeira competição que nós tivemos que nos retirar, porque fomos apanhados de surpresa. Não tínhamos nenhum objectivo com a Taça de Angola”, explicou.

Jacks da Conceição disse não se rever na Taça de Angola, “salvo se era para rodar” a nossa equipa. 

“Gastar um pouco mais, tem riscos e se tiveres a felicidade de ganhar a equipa do Clube Desportivo da Huíla nos oitavos-de-final, que não é impossível,  por exemplo, ir jogar ao Norte, em Malanje, no Leste ou em  Luanda, íamos ter  umas despesas que não estão previstas no nosso orçamento de 2019. 

Por isso, desistimos de participar da Taça de Angola”, referiu.Jacks da Conceição referiu, que a direcção do Clube Desportivo da Huíla já foi comunicada, sobre a desistência da equipa Sport Lubango e Benfica. 

              O Sport Lubango e Benfica não vai defrontar no sábado, às 15h30, O Clube Desportivo da Huíla,  desafio a contar para os 16 avos de final da Taça de Angola. A garantia foi dada ao Jornal dos Desportos,  pelo presidente do clube da águia, Jacks da Conceição, que informou  em momento algum a Associação Provincial de Futebol da Huíla (APFH) notificou à direcção, como representante da província na competição.  

“Em momento algum o Sport Lubango e Benfica predispôs-se junto da Associação (APFH), que é o seu órgão representante junto da FAF, que nós (Benfica do Lubango) estávamos em condições de fazer a competição. Primeiro, nós temos que orçamentar para que possamos estar coesos e nos fazermos representar com dignidade e  profissionalismo nesta prova”, fundamentou.

O “número um” do conjunto encarnado das terras altas da Chela afirmou, que sobre a Taça de Angola já está descartada a hipótese de marcar presença. 

“Foi a primeira competição que nós tivemos que nos retirar, porque fomos apanhados de surpresa. Não tínhamos nenhum objectivo com a Taça de Angola”, explicou.

Jacks da Conceição disse não se rever na Taça de Angola, “salvo se era para rodar” a nossa equipa. 

“Gastar um pouco mais, tem riscos e se tiveres a felicidade de ganhar a equipa do Clube Desportivo da Huíla nos oitavos-de-final, que não é impossível,  por exemplo, ir jogar ao Norte, em Malanje, no Leste ou em  Luanda, íamos ter  umas despesas que não estão previstas no nosso orçamento de 2019. 

Por isso, desistimos de participar da Taça de Angola”, referiu.Jacks da Conceição referiu, que a direcção do Clube Desportivo da Huíla já foi comunicada, sobre a desistência da equipa Sport Lubango e Benfica.