Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Contestada mudana da sede dos "Nacionais"

Jlio Gaiano/ em Benguela - 16 de Novembro, 2017

Campeonatos nacionais jovens agendados para o perodo da realizao de exames escolares

Fotografia: Jos Soares | Edies Novembro

O secretário -geral da Associação Provincial de Futebol de Benguela (APFB), Laurentino Alberto “Lau”, acusou a direcção da Federação angolana da modalidade (FAF) de agir de má-fé, ao alterar de 8 a 23 de Dezembro para o período de 1 a 17 do mesmo mês, em Luanda, a realização dos Campeonatos Nacionais das categorias de Sub17 e Sub-20.
De acordo com o executivo da APFB, o elenco federativo alterou as datas de realização das referidas competições, sem contactar as Associações provinciais e os clubes interessados. Por esse motivo, Laurentino Alberto é de opinião que a data do início do evento deve ser revisto, pelo facto de chocar com o calendário da realização dos exames nos diferentes níveis de ensino.
“A FAF alterou a data da realização dos campeonatos sem consultar as Associações provinciais e os clube. A nova data coincide com os exames escolares, nos diferentes níveis de ensino. Deste modo, vai ser muito difícil, aos pais e encarregados de educação cederem os seus filhos para abandonarem as provas, e seguirem para Luanda e participarem das referidas competições”, alertou. No entender daquele dirigente, a direcção da Federação Angolana de Futebol (FAF) ao reprogramar a data da realização das provas, não teve em conta a componente formação académica dos petizes.
“Em conversa que mantive com os representantes dos clubes, tocou-se neste assunto. Os pais e encarregados de educação de algumas crianças fizeram-nos chegar esta preocupação. A FAF, ainda, vai a tempo de corrigir o erro”, ajuntou.
Apesar do imbróglio, as equipas benguelenses estão preparadas quer técnica como administrativamente, para competir nos campeonatos nacionais de futebol das categorias de Sub-17 e Sub-20, segundo o secretário-geral da Associação Provincial de Futebol de Benguela (APFB).
 Laurentino Alberto “Lau” assegurou, que as formações da Académica do Lobito (Sub-17 e Sub-20),  HCB de Benguela (Sub-17) e Dom Bosco de Benguela (Sub-20), que vão representar a província nas respectivas competições, têm as condições criadas para seguirem para o palco dos “nacionais” jovens.
“Todos os serviços, do foro administrativos, estão criados e as equipas podem seguir ao local da competição, sem constrangimentos, o que se pressupõe afirmar que têm tudo em ordem, cumpridas que foram os requisitos atinentes a esse respeito”, precisou.


REACÇÃO
SG da APFB
contraria tese da FAF

O Jornal dos Desportos apurou, de fonte próxima ao dossier, que a atitude da Federação Angolana de Futebol (FAF) de antecipar os Campeonatos Nacionais jovens (Sub-17 e Sub-20) deveu-se à lógica do tempo de duração das referidas competições. Por exemplo, a manter o arranque para o dia 8, a prova ia terminar no dia 23, dois dias antes da festa do Natal. Por isso, entendeu que o certame decorresse entre 1 e 17 de Dezembro, para facilitar o regresso das caravanas à procedência, sem constrangimentos.
Ainda assim, para o Secretário-geral da Associação Provincial de Futebol de Benguela (APFB), Laurentino Alberto “Lau”,uma coisa não tem nada a ver com a outra, tanto mais que em causa está a formação dos futuros quadros do país. Por isso, discorda de forma categórica  de qualquer desculpa que se preze, em torno da antecipação da data do arranque dos eventos, que durante duas semanas vão animar a cidade capital.
“Infelizmente, a desculpa não colhe, porquanto existem mecanismos para se encurtar a realização das provas, sem que para tal se coloquem em causa as outras componentes, como encurtar o tempo da realização da prova, sem prejuízo de quem quer que fosse. Por exemplo, apurar os primeiros de cada grupo, para se encontrar o campeão. Não custa nada. É só pensar um pouco, e resolvemos o problema”, sustentou.
As delegações benguelenses têm a viagem marcada ao local da competição, no dia 28 do corrente. 
JG