Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Equipas procuram oitavos de final

Augusto Panzo - 18 de Junho, 2016

Jackson Garcia de Benguela "baptiza" o Santa Rita de Cássia FC do Uíge na segunda competição futebolística nacional

Fotografia: M.Machangongo

Cinco equipas procuram hoje, a partir das 15h00, a passagem para fase seguinte da Taça de Angola, em função dos jogos dos 16 avos de final da competição, agendados para  diversos campos do país, cujo destaque recai para o confronto Atlético Sport Aviação (ASA) e o 1º de Maio de Benguela, no Estádio dos Coqueiros, numa reedição dos mais notáveis clássicos do futebol nacional.

No duelo que o resultado é imediato, devido ao seu sistema de disputa, só há um vencedor, os adeptos das duas equipas têm de aguentar o fôlego, até soar o último apito do árbitro, indicado para dirigir a contenda.

Na hora em que estiver a decorrer a partida, em Luanda, no Estádio "Comandante Hoji ya Henda", na cidade do Sumbe, o Polivalentes FC tem a visita do Progresso da Lunda Sul, desafio inserido igualmente na fase da Taça de Angola.

O Progresso da Lunda Sul, que disputa o Girabola Zap, é mais experiente que o adversário desta tarde. Contudo, tem de fazer pela vida, caso queira manter -se em competição, pois o espírito de taça está presente nessa competição. Ou seja, geralmente os considerados "grandes" acabam por serem eliminados pelos "pequenos".

Na sequência do calendário, e sempre no sentido descendente de Norte para Sul do país, a Académica Petróleos do Lobito vai medir forças com o 4 de Abril do Cuando Cubango, num jogo a decorrer no místico Estádio do Buraco. Mais abaixo 30 km, na cidade do São Filipe de Benguela, o Jackson Garcia  encarrega-se de "baptizar" o estreante Santa Rita de Cássia FC do Uíge, num jogo em que os uigenses fazem a estreia oficial nas competições, sob à égide da Federação Angolana de Futebol (FAF).

O Desportivo Casa Militar do Cuando Cubango recebe no Municipal de Menongue, o Recreativo da Caála, com favoritismo da equipa do Huambo, embora em taça nem sempre o melhor preparado vence.

Ao invés do habitual horário das 15h30, como é costumeiro no período quente,  este jogo disputa-se a partir das 15h00, devido à mudança da estação de Verão para Inverno, dado que naquela parcela do país escurece mais cedo que na zona do litoral.