Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Escola Suka & Reis junta desportistas em aniversrio

Paulo Caculo - 10 de Maio, 2018

Os jovens futebolistas que ajudam a dar corpo escolinha

Fotografia: Jornal dos Desportos

O técnico Oliveira Gonçalves, antigo técnico dos Palancas, e Fabrice Maieco Akwá, ex-capitão e goleador da Selecção Nacional, são as duas principais atracções da cerimónia dos festejos do terceiro aniversário da Escola de Futebol «Suka&Reis», que se realizar no sábado às 08h00, nas imediações do condomínio das 54 casas, ao Patriota.
 Na actividades, que visam assinalar o êxito do projecto comunitário iniciado pelo ex-futebolista Suka, antigo lateral direito do ASA e do Sagrada Esperança, destacam-se duas partidas de futebol que envolvem as equipas de juvenis e iniciados da escolinha aniversariante, com as equipas do Norberto de Castro e do ASA, clubes convidados para a festa.
 Localizada na vizinhança do condomínio da Caixa Social das FAA, o projecto futebolístico «Suka&Reis» remonta há vários anos, foi precisamente em 2015 que a ideia amadureceu e saiu do papel, sobretudo, após à chegada de José Reis que se juntou ao ex-futebolista Suka e conferir o suporte necessário para tornar concretizável o sonho.Três anos depois, a escolinha cresceu, ganhou corpo e estrutura, contudo, continua a precisar de apoios, na medida em que sobrevive dos esforços dos proprietários, que não cobram absolutamente nada aos petizes para aprenderem a jogar.
 Os jovens futebolistas que ajudam a dar corpo à escolinha, são oriundos de famílias com poucos recursos e cuja beleza das estruturas arquitectónicas que circundam o bairro Patriota, local onde estão sediadas as instalações provisórias da escolinha, não representa nada para os jovens carentes, que precisam  de uma bola para alimentar os seus sonhos.
 Volvidos três anos, o grande desejo de José Reis, consiste na descoberta de talentos que proporcionem alegrias aos adeptos do futebol e ao país, para representarem condignamente as selecções nacionais.
A formação do homem e do futebolista são as premissas da «Suka&Reis».
 A escolinha é um exemplo claro, de que com poucos recursos e vontade, se pode fazer maravilhas.
A pequena estrutura tem o essencial e o necessário para qualquer formação de futebol que deseja crescer na modalidade e ter bases para o futuro.