Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Espero ser muito feliz no Interclube

Valdia Cambata - 06 de Julho, 2019

Carlinhos diz no ter mgoa do clube que o formou e s pensa na sua nova equipa

Fotografia: Agostinho Narciso | Edies Novembro

O médio ofensivo Carlos Sténio Fernandes Guimarães do Carmo, conhecido nas lides futebolística por Carlinhos, que representou o Petro de Luanda por sete épocas (2012 a 2019), vai  representar o Interclube na próxima temporada, clube em que espera ser \"mais feliz\" do que foi nos tricolores. 
Carlinhos foi  um dos principais  homens no meio campo do Petro de Luanda, porém na última temporada foi pouco utilizado por Beto Biachi e depois por Tony Cosano, facto que serviu para a não renovação com os tricolores.
Questionado sobre os objectivos na sua nova  equipa, o médio de 24 anos de idade, disse que almeja conquistar títulos. 
"O Interclube é uma grande equipa e almeja sempre ser campeão nacional em todas as épocas. Como todo jogador, tenho o sonho de ser campeão com este clube, que é grande e que exige muito dos jogadores", disse.
O reforço do plantel treinado pelo português Bruno Ribeiro assegurou que o facto de o Interclube não conquistar o campeonato há dez anos, vai tornar mais difícil a época, por isso promete dedicação ao trabalho para ajudar a tornar as coisas fáceis para a formação azul e branca do Rocha Pinto. 
"Como jogador, o meu grande objectivo é ajudar a equipa do Interclube a conquistar o campeonato nacional que  foge ao clube há muito tempo (dez anos), bem como ganhar as outras frentes em que o clube estiver envolvido", disse.
Conhecendo a grandeza do Interclube, o jovem atleta promete trabalhar para merecer a titularidade na equipa, cujo plantel tem jogadores de enorme qualidade.
"No Interclube há grandes jogadores e que respeito muito. Terei mesmo de trabalhar muito para estar sempre entre os seleccionados para todas as frentes que se avizinham\", referiu.
Com pouco espaço na equipa tricolor, Carlinhos não quer olhar para o passado, mas apenas na oportunidade  para relançar a sua carreira. "Não quero falar do passado, apenas falar do meu futuro aqui no Interclube, onde espero fazer uma boa temporada", salientou.
Sem mágoa do antigo clube, Carlinhos espera ser mais feliz no Interclube em relação  ao que foi no Petro de Luanda. 
\"Espero ser muito feliz aqui no Interclube do que no Petro\", disse.
Na última época, devido a lesões, Carlinhos não jogou com regularidade no Girabola Zap, na Taça de Angola e na Taça da Confederação.
Destro e dono de uma qualidade técnica que o distingue, Carlinhos fez toda a formação no Petro de Luanda e a nível de seniores disputou 96 jogos e marcou 12 golos. O jogador conta com11 internacionalizações pelos Palancas Negras.

REFORÇOS DOS POLÍCIAS
Jaredi e Peddy prontos para batalha

Os médios Jaredi (ex-Recreativo do Libolo) e Peddy (ex-Progresso Sambizanga) são igualmente outros jogadores, que vão representar a equipa Interclube nas próximas duas  temporadas.  
Jaredi, apontado como um dos principais reforços dos polícias, chega ao clube do Rocha Pinto para dar continuidade à sua carreira desportiva, que começou na Academia de Futebol de Angola (AFA) e com estreia no Girabola Zap ao serviço do  Recreativo do Libolo, em 2018.   
Feliz com o novo clube, o jovem  atleta garante, que vai continuar a trabalhar e por isso as expectativas são boas.
"Estou feliz, pois é uma nova casa, onde espero fazer uma temporada melhor. Quanto as expectativas são enormes, afinal de contas é o Interclube, um clube que eu já almejava jogar há muito tempo", disse.
Tal como os outros reforços, Jaredi almeja conquistar títulos ao serviço dos polícias, que já leva dez anos de jejum.
"Venho para este clube (Interclube) com a intenção de ajudar o clube a ganhar muitas coisas, inclusive um título do Girabola Zap, e num clube como o Interclube também tem que se pensar grande ", salientou.
Já o médio Peddy, oriundo do Progresso Sambizanga, garante que o grupo é forte e dá garantias de uma boa classificação no Girabola Zap 2019/2020.
"O grupo é forte e por isso acredito, que podemos atingir os objectivos traçados pela direcção do clube", salientou.
O jovem atleta mostra-se feliz por representar o Interclube, depois de fazer parte da equipa dos sambilas na temporada passada.
"É mais um desafio na minha carreira. O Interclube é um clube que luta sempre pelo título, com isso, viemos para este clube para contribuímos neste objectivo", disse.