Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

H poucas leses entre os sambilas

Augusto Panzo - 20 de Janeiro, 2017

Pequenas leses, mas preocupantes afastaram trs jogadores dos sambilas nos primeiros amistosos.

Fotografia: Jornal dos Desportos

Pequenas lesões, mas preocupantes afastaram três jogadores dos sambilas nos primeiros amistosos. Tratam-se de René que está com fortes dores no joelho direito.

Tshabalala continua a ressentir de dores no pé direito, situação contraída ainda no início de preparação numa sessão de treino, Dax  é outro jogador que está com fortes dores no joelho direito. Celso, junta-se  a estes por estar com dores no pé direito devido a um choque com um contrário no contra o Kabuscorp do Palanca.

Todos eles estão entregues ao departamento médico a fazerem tratamento com o fisioterapeuta Eduardo Ramom de nacionalidade cubana, ao serviço dos sambilas.

A equipa técnica liderada por Kito Ribeiro, está a deixar transparecer a ideia de querer eleger para a sua equipa o sistema táctico mais clássico do futebol, o mediático 4x4x2, privilegiando o povoamento da defesa e meio campo, com uma dupla no ataque.


Progresso
Encara equipa hoje Desportivo da Huila


O Progresso Sambizanga realiza hoje, às 14h00, diante do Desportivo da Huila, no campo da Força Aéra Nacional, no Lobito, o terceiro  jogo amistoso do estágio pré-competitivo que efectua nesta cidade da província de Benguela.

O conjunto às ordens de Kito Ribeiro espera voltar a colocar à prova a sua força colectiva e a solidez competitiva dos seus jogadores, a exemplo dos dois primeiros amistosos realizados na quarta-feira em que utilizou todo o plantel dividido em dois grupos.

No primeiro jogo, diante do Jakson Garcia, com 45 minutos cada, o Progresso venceu, por 3-0, igual resultado no período da tarde com o Kabuscorp do Palanca.

Com os palanquinos, os sambilas deram nas vistas a subida inquestionável do nível atlético dos jogadores tal como mostraram e, aos poucos, que a rapaziada está a pôr em prática todas as orientações da equipa técnica.

Nos dois jogos até aqui realizados no estágio a cada jogo foi feito por duas equipas divididos em 45 minutos em cada parte. É um modelo que provavelmente permanece para outros amistosos.

No jogo frente ao Kabuscop do Palanca, houve auto golo derivado de um grande cruzamento de Lunguinha no canto direito. A bola bateu num contrário e só parou dentro das redes da baliza do Kabuscrp.

Volvidos 20 minutos do jogo, Norberto, numa jogada colectiva, a partir da entrada da grande área, rematou sem qualquer defesa do guarda-redes adversário. Patrick, numa jogada individual fechou a conta.

A equipa técnica dos sambilas deixou claro que nesta fase de preparação os resultados são menos importantes, apesar de fundamentais para o cultivo do hábito de ganhar jogos.

O imprescindível, de acordo com o técnico adjunto de Kito Ribeiro, Diogo Pedro, é avaliar a qualidade ofensiva e defensiva da equipa, a movimentação colectiva e individual dos jogadores, o ritmo competitivo, o posicionamento, a capacidade de reacção e, também, o passe e a posse de bola.

À semelhança do jogo diante do Jakson Garcia, o técnico Kito Ribeiro apostou no seguinte onze inicial: Titi, Nzau, Ndieu, Eliseu, Norberto, Fofó, Lunguinha, Bruno, Almeida, Celso, Yano.

 Celso não terminou o jogo por ter sofrido uma lesão no pé direito, fruto de um choque com um contrário.

A segunda equipa, alinhou com Bodrick,  Kibeixa, Buchinho, Osoid (em observação) Isne, Cuca, Vá, Megue, Luis, Pepe, Patrick.

Quanto à equipa do Kabuscorp do Palanca, nada temos a noticiar por não sermos permitidos a ter qualquer informações da mesma incluindo a sua constituição por orientações do seu chefe do departamento para o futebol, que atende por Bebeto.
AVELINO UMBA/Lobito