Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Interclube efectua Maratona de jogos

Valódia Kambata - Benguela - 25 de Janeiro, 2018

Polícias à procura da forma desportiva

Fotografia: M.Machangongo | Edições Novembro

A equipa do Interclube iniciou ontem na cidade de Benguela a segunda fase de preparação, com vista à sua participação no Girabola Zap 2018 e na Taça de Angola.
Nas terras das acácias rubras, os polícias vão efectuar um estágio de 15 dias, pois, a equipa técnica pretende privilegiar as situações de jogos, jogadas combinadas, observação e correcção de movimentos defensivos, ofensivos e finalização em golo.
Além destes fundamentos, o Interclube pretende nas seis partidas agendadas, atingir a forma desportiva. A \"maratona\" de jogos de controlo começa esta tarde, frente à equipa do Jackson Garcia, e amanhã defronta o Progresso do Sambizanga.
A par destas duas equipas, os polícias têm ainda em agenda, os amistosos com o Bravos do Maquis, Académica do Lobito, Kabuscorp do Palanca, Recreativo do Libolo e Sagrada Esperança.
Trabalham às ordens de Paulo Torres, os atletas, Nelson, Filipe, Chonene, Rene, Valdez, Fabrício, Baca, Valy, Pirolito, Mandinho, Lindala, Ito, Karanga, Dasfaa, Jorginho, Baby, DAny, Caleby, Silva, Pedro Bengui.
Estão ausentes da preparação, os atletas que se encontram ao serviço da selecção nacional, que disputa a fase final do CHAN 2018, em Marrocos, nomeadamente, Landu , Rui, Paty, Moco, Kaporal, To Carneiro, Kaporal e Mano Calesso.
Para esta época, a direcção traçou como principal objectivo a luta pelo título, e na pior das hipóteses alcançar uma vaga para  disputar as preliminares de acesso à fase de grupos das competições africanas.
A equipa do Interclube iniciou ontem na cidade de Benguela a segunda fase de preparação, com vista à sua participação no Girabola Zap 2018 e na Taça de Angola.
Nas terras das acácias rubras, os polícias vão efectuar um estágio de 15 dias, pois, a equipa técnica pretende privilegiar as situações de jogos, jogadas combinadas, observação e correcção de movimentos defensivos, ofensivos e finalização em golo.
Além destes fundamentos, o Interclube pretende nas seis partidas agendadas, atingir a forma desportiva. A \"maratona\" de jogos de controlo começa esta tarde, frente à equipa do Jackson Garcia, e amanhã defronta o Progresso do Sambizanga.
A par destas duas equipas, os polícias têm ainda em agenda, os amistosos com o Bravos do Maquis, Académica do Lobito, Kabuscorp do Palanca, Recreativo do Libolo e Sagrada Esperança.
Trabalham às ordens de Paulo Torres, os atletas, Nelson, Filipe, Chonene, Rene, Valdez, Fabrício, Baca, Valy, Pirolito, Mandinho, Lindala, Ito, Karanga, Dasfaa, Jorginho, Baby, DAny, Caleby, Silva, Pedro Bengui.
Estão ausentes da preparação, os atletas que se encontram ao serviço da selecção nacional, que disputa a fase final do CHAN 2018, em Marrocos, nomeadamente, Landu , Rui, Paty, Moco, Kaporal, To Carneiro, Kaporal e Mano Calesso.
Para esta época, a direcção traçou como principal objectivo a luta pelo título, e na pior das hipóteses alcançar uma vaga para  disputar as preliminares de acesso à fase de grupos das competições africanas.