Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Joo Goma satisfeito com nomeao

Betumeleano Ferr?o - 11 de Fevereiro, 2017

O rbitro mostrou-se surpreso com as escolhas que recebeu

Fotografia: Jornal dos Desportos

A época 2017 começou com nomeações para o árbitro internacional João Goma, depois da estreia na Supertaça, prova interna, agora chegou a vez de ajuizar esta tarde em Lobamba, Swazilândia, ao Royal Leopards FC - Vita Club, para a preliminar da Champion League.

"É uma maneira diferente de começar o ano, nunca tive um começo assim na carreira, é a primeira vez", comemorou.

O árbitro mostrou-se surpreso com as escolhas que recebeu, mas prometeu retribuir o voto de confiança depositado nele, para que dentro e fora do país possam "chover" mais nomeações.

"Quando nos nomeiam, estão a nos enviar um sinal de que contam connosco, agora tenho de fazer a minha parte para que continuem a apostar em nós", assegurou ao Jornal dos Desportos.

O jogo que João Goma vai apitar aparenta estar favorável para o Vita Club de Kinshasa, um histórico da RD Congo e do continente, ainda assim o juiz angolano anseia realizar um trabalho irrepreensível, capaz de reunir consenso entre os contendores.

"Todos os pontos que nós somamos nestes jogos contam para futuras nomeações, quando se apita bem fica mais fácil se lembrarem de nós, conta muito", sublinhou.

A temporada passada foi fraca, em termos de nomeações para os árbitros angolanos, mas alguns ventos favoráveis provenientes do Cairo, sede da CAF, dão a João Goma muitos motivos para acreditar em melhores dias, este ano.

"Eu vou apitar agora, o Hélder também vai sair daqui a dias para um jogo das Afrotaças, vamos tentar aproveitar estas oportunidades, até mesmo quando se recebe uma nomeação de 4º árbitro a pessoa tem de se preocupar em realizar bem o seu trabalho, para que no final o comissário fique com boa impressão ", explicou. 

A arbitragem nacional voltou a somar pontos com a consagração do árbitro assistente internacional Jerson Emiliano, eleito o melhor do CAN, vencido pelos Camarões. O feito do juiz angolano serve de inspiração para os colegas, João Goma também ambiciona ascender os degraus necessários para chegar à elite do apito continental.

O juiz quer começar a se firmar nas provas internas para que o seu nome ecoe portas afora, como sucedeu o ano passado, quando sagrou-se o melhor do árbitro do Girabola 2017.

"É verdade, isto influência um pouco mas ao mesmo tempo aumenta mais a responsabilidade, todos ficam a olhar para todos", afirmou.

Para o jogo entre o Royal Leopards FC - Vita Club, a CAF indigitou os também angolanos Estanislau Guedes e Rosário Cassinda para desempenharem o papel de árbitros assistentes, enquanto António Caxala é o 4º. árbitro.

O quarteto internacional  se conhece bem, na semana passada na Supertaça, apenas Estanislau Guedes não esteve nos Coqueiro.