Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Kaporal quer conquistar ttulos

Valdia Kambata - 08 de Janeiro, 2018

Segundo melhor marcador do campeonato anterior nega temer a concorrncia no plantel de Paulo Torres

Fotografia: Vigas da Purificao /Edies Novembro

Os jogadores contratados pela direcção do Interclube para a temporada futebolística de 2018, que abre a 4 de Fevereiro próximo, com o jogo da Supertaça, entre o 1º de Agosto (campeão nacional) e o Petro de Luanda (vencedor da Taça de Angola), ano em que a equipa principal vai competir no Girabola Zap e na Taça de Angola, mostram-se optimistas numa boa época.
O avançado João Chingado Manha \"Kaporal\", segundo melhor marcador do Girabola 2017, com 13 golos, contratado ao 1º de Maio de Benguela, garante que está motivado para ajudar o Interclube a  atingir aos objectivos traçados para a época 2018, entre eles,  a conquista do título do campeonato nacional.
“É uma nova etapa na minha carreira e por isso só tenho que trabalhar com muita responsabilidade para atingir o objectivo do clube, que passa por conquistar o título do Girabola Zap 2018”, disse.
Aos 21 anos de idade, Kaporal, considerando um dos jogadores angolanos com grande margem de progressão, tem como meta ao serviço do Interclube, ser um dos atletas de referência no ataque e da equipa às ordens de Paulo Torres.
“ Neste momento, o meu maior desejo é trabalhar para ajudar o clube a conquistar títulos. Sei que este é um clube de grande tradição no futebol nacional e por isso merece estar entre os grandes. Vamos tudo fazer para conseguir vencer alguns títulos ”, salientou o jovem atacante.
Kaporal, que se estreou no Girabola Zap na época passada ao serviço do 1º de Maio de Benguela, transferiu-se para a equipa do Rocha Pinto  e  mostra-se bastante satisfeito  e espera honrar a escolha da direcção técnica dos polícias.
“É a primeira vez a vestir a camisola do Interclube e acredito que muitos jogadores gostariam de estar aqui neste lugar. Espero poder  representar  condignamente  e deixar  a minha marca neste  clube”, disse .
Em relação ao plantel, o atacante diz que Paulo Torres tem às ordens, uma equipa  bastante equilibrada, por isso pronta para fazer uma grande temporada. 
“Temos um plantel muito equilibrado. A maior parte dos atletas já são da casa e com muitos anos de Girabola   com a integração de mais reforços o plantel está equilibrado e acho que com muito trabalho e humildade podemos fazer muito no próximo campeonato e, se calhar, melhorar a classificação da época passada”, referiu.
O internacional angolano diz não temer a concorrência que vai ter de enfrentar no plantel, entre eles Moco e  Pedro, dois excelentes avançados.
 “Como atleta sempre tive que enfrentar a concorrência. Mas isso não é problema.  Conheço as minhas qualidades e tenho a certeza que vou continuar a trabalhar. Sempre que o treinador achar que devo jogar estarei disponível”, disse.
Kaporal promete aos  adeptos do clube, trabalho e muito empenho para atingir os objectivos traçados pela direcção do clube. 
“Que posso prometer aos adeptos do Interclube é que tudo faremos para termos uma boa época. Os nossos adeptos podem esperar de nossa parte bom futebol. Espero que continuem a apoiar o nosso clube e a serem muitas vezes a força que falta para vencermos os jogos”, salientou.

GUARDA-REDES
Landu e Rui
optimistas

O guarda-redes Landu, que representou o Recreativo do Libolo nas últimas oito épocas, onde foi tetra-campeão nacional, espera igualmente conquistar  títulos pelo Interclube, clube com o qual assinou contrato para esta temporada futebolística.
“Eu vim para este clube (Interclube) para alcançar as metas que foram passadas pelos mister e trabalhar mais para cumprir com os objectivos traçados pela direcção. Estou consciente das minhas qualidades para ocupar essa posição, o importante será dar tudo pela nova equipa”, referiu. andu considera o clube da Polícia um dos maiores do país, por isso está disposto a ajudar o seu plantel a ter boa prestação no Girabola Zap 2018. Espera ainda que a sua integração no plantel seja boa, tal como aconteceu em todas as equipas que representou.
A nível pessoal, o guarda redes  almeja  conquistar  alguns títulos ao serviços dos polícias.
“Pessoalmente  prometo trabalho  e muita dedicação ao clube. Conquistei vários  títulos pelo meu antigo clube (Recreativo do Libolo) e por isso quero continuar a trabalhar para  ganhar títulos”, referiu.     
O jovem guarda-redes Rui Jorge Onésimo, que se notabilizou ao serviço do  1º de Maio de Benguela, mostra-se satisfeito com a aposta da direcção do Interclube e por esse facto vai aproveitar ao máximo para ganhar experiência e enriquecer o curriculum. 
Embora esteja no começo dos trabalhos e com colegas e equipa técnica nova, Rui   promete lutar para conquistar a titularidade.
“O meu maior desejo é lutar para a titularidade e para tal, tenho que trabalhar e ganhar confiança do técnico. Sei que não será  fácil, pois, a equipa tem bons jogadores com grandes capacidades e com mais experiências para estar na equipa principal. Assim, como qualquer jogador, também desejo participar de forma activa nas vitórias do clube, no sentido de uma outra imagem  ao Interclube ”, acrescentou.
Quanto  a  concorrência o jovem guarda-redes mostrou-se tranquilo.
“Penso que eu ganho mais, pós vou ter ao meu lado dois guarda-redes experientes, com muitos anos no futebol . Estou preparado para  aprender e aproveitar as oportunidades para crescer mais”, salientou.                                                                                                
VK