Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Malavoloneke enaltece incentivo ao desporto na classe jornalstica

Paulo Caculo - 06 de Maio, 2019

Secretrio de Estado da Comunicao Social testemunhou a final do torneio disputado sbado ltimo

Fotografia: Contreiras Pipas | Edies Novembro

O secretário de Estado da Comunicação Social, Celso Malavoloneke, destacou, sábado, a disputa do torneio \"Comunicação Social\" em futebol de salão como factor de união, convívio e reforço das relações de amizade entre os profissionais da classe jornalística nacional.
O governante que falava à imprensa, após o jogo da final, entre as equipas da TPA e da Edições Novembro, disputada no Complexo Desportivo Manuel Berenguel, fez questão de enaltecer a organização da prova, como incentivo à prática desportiva no seio dos profissionais da comunicação social.
\"A família de jornalistas da Comunicação Social, para além dos profissionais da câmara, microfone, caneta e da rotativa, também são homens e mulheres, e, como seres humanos, têm as suas necessidades lúdicas. Têm os seus espaços de convívio e de lazer, e o desporto é uma actividade que força o convívio entre as pessoas e as relações de amizade e camaradagem, independentemente da instituição ou órgão que cada um de nós trabalha\", disse.
Celso Malavoloneke considerou, ainda, que a ideia de promover uma actividade desportiva, que agregasse a classe, visou também fortalecer os laços de camaradagem existente entre os profissionais da Comunicação Social.
\"Somos todos jornalistas e colegas e, como tal, precisámos de consolidar os nossos laços de camaradagem. De vez em quando, os jornalistas também têm direito ao auto-consumo, de falar um pouco de si próprio, para serem conhecidos. Às vezes, é importante mostrar a sociedade que, por trás do profissionais de comunicação social, também existem homens e mulheres iguais a todos os homens e mulheres da nossa sociedade\", acrescentou o secretário de Estado.
                                    
SEGUNDA EDIÇÃO
TPA destrona Rádio Nacional


A equipa de futsal da TPA destronou a RNA (campeão de 2018) do título do torneio Comunicação Social, após bater na final a equipa da Edições Novembro, por 5-4, num jogo marcado por períodos de  futebol intenso, emotivo, equilibrado e com permanente alternância na posse de bola, marcha do marcador e ocasiões de golo.
A equipa de profissionais da escrita estiveram sempre à frente do marcador, sendo que na única vez em que os pupilos de Alberto Ferreira estiveram em desvantagem, não foram capazes de superar o conjunto às ordens de Eugénio Miranda, que soube conservar a vantagem mínima (5-4) até ao desfecho da partida.
No terceiro lugar da prova ficou a equipa da Claque Magazine, em virtude da vitória ante a formação da Palanca TV, por 4-3.
José Isidoro, atleta da TPA, conquistou o prémio de melhor jogador do torneio.  Rosário, da Palanca TV, sagrou-se o melhor marcador, Miguel Damião, melhor guarda-redes, ao passo que o Jornal O País recebeu o troféu de equipa fair-play.
A III edição do torneio da Comunicação Social vai ser organizada pela TPA, que recebeu o testemunho da TV Zimbo.
O Centro de Imprensa Aníbal de Melo (CIAM), instituição que propôs o projecto ao Ministério da Comunicação Social, organizou a I edição da prova, cujo título foi conquistado pela Rádio Nacional de Angola.
 Estiveram a prestigiar a final da prova, além do secretário de Estado da Comunicação Social, o secretário de Estado do Desporto, Carlos Almeida, presidentes dos Conselhos de Administração da Edições Novembro, Victor Silva, da TPA, Francisco Mendes, administradores e directores dos distintos órgãos de comunicação social.