Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Meyong finaliza a carreira

Paulo Caculo - 17 de Maio, 2017

Albert Meyong Zé, decidiu colocar ponto final na carreira. Aos 36 anos

Fotografia: Jornal dos Desportos

Campeão pelos palanquinos em 2013, no seu ano de estreia no futebol angolano, o atacante camaronês despede-se do futebol com alguma tristeza, porque garante ser \"difícil parar\", mas não esconde a satisfação pelo percurso traçado na carreira.

Albert Meyong realizou o último encontro, no Estádio do Bonfim, na derrota do clube que mais o marcou na carreira, o V. Setúbal, diante do Boavista (0-1), e deixou no final declarações que confirmam o seu \"abandono\" dos relvados.

\"É um pouco difícil. Quando uma pessoa passa uma vida inteira a fazer uma coisa, é difícil parar. Mas tem de ser, porque a frescura já não é igual. Estou um pouco triste, mas contente com a carreira que tive, tanto aqui como em outros clube por onde estive\", disse o avançado, citado pelo jornal português \'Record\'.

\"Passei bons momentos em Portugal e em Angola. Como sempre disse, em Setúbal é que me sinto em casa, tenho a família cá, a minha mulher é de cá, as minhas filhas vão aqui à escola, é por aqui que vou ficar\", acrescentou.

Questionado sobre o futuro, o camaronês admitiu que ainda existem várias dúvidas: \"Ainda não sei. Sou jogador até ao último jogo (risos). Vou estar aqui, e quando acabar a época, vamos analisar e ver o que se pode fazer.\"

Nos três anos que esteve a jogar em Angola, Meyong justificou os créditos que o identificavam como um goleador -nato,  no primeiro ano rubricou 20 golos, no segundo 17, e no terceiro e último ano, 13 golos. Antes de assinar pelo Kabuscorp, já tinha conquistado em Portugal o troféu de melhor marcador.