Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Nyame Patrick e Serge já integram o grupo

Avelino Umba - Lobito - 28 de Janeiro, 2017

Guarda-redes Nyame Patrick esteve ao serviço da sua selecção

Fotografia: Jornal dos Desportos

O guarda-redes camaronês Nyame Patrick esteve ao serviço da selecção do seu país , no  Campeonato Africano das Nações, no Gabão, e  o meio campista  togolês Serge esteve na sua terra de férias, já se encontram no país.

Os dois jogadores chegaram ao local de estágio da equipa, no Lobito, ao meio do dia de ontem no período da tarde, juntaram-se ao grupo de trabalho.
Antes da sessão de treinos, no Estádio do União da Catumbela, Nyame Patrick mostrou-se satisfeito no reencontro com os seus colegas de equipa.
"Fui bem recebido pelos colegas, tanto os novos como os antigos mostraram-se satisfeitos com o meu regresso ao clube", disse.

"Desta forma, isso, só me dá moral para fazer tudo quando sei fazer, a julgar pelos objectivos da direcção do clube", disse acrescentou.O jogador assegurou, por outro lado, que está informado sobre os objectivos do clube na época que começa oficialmente a 4 de Fevereiro com a disputa do jogo da Supertaça entre as equipa do 1º de Agosto e o Recreativo do Libolo, campeões do Girabola e da Taça de Angola, respectivamente, a ter lugar no Estádio 11 de Novembro, em Luanda.

"Estou informado acerca dos objectivos da direcção do clube, dirigido por Paixão Júnior, de atingir os primeiros três lugares no Campeonato Nacional de Futebol de Primeira Divisão, Girabola 2017" , esclareceu.Nyame, explicou que as informações foram dadas pelos colegas, e não só.

"Informaram-me que o presidente do clube, Paixão Júnior propôs os primeiros três lugares, no campeonato que se avizinha. Respondi que o clube tem condições para lá chegar, para tal, todos temos de estar imbuídos na empreitada, com cabeça, tronco e membros", disse. O guarda-redes informou que no futebol tudo é possível, se houver vontade  de todos, ou seja, direcção, equipa técnica e jogadores. "Pode-se cogitar um lugar por baixo da tabela, mas com muito trabalho a equipa pode ficar nos lugares cimeiros", comentou.


À CHEGADA
Médio sambila
justifica atraso 


O primeiro dia de Serge ao serviço dos sambilas aconteceu na quinta-feira, no período da tarde, no Estádio do União da Catumbela, onde a equipa realiza o estágio de preparação da pré-época, com vista aos compromissos do Girabola e da Taça de Angola,  competições em que está inserida.

Com um contrato por uma época, e outra de opção, depois do ASA que foi a equipa que representou na época passada, agora, os seus desafios recaem para os sambilas. O jogador ambiciona ajudar a equipa nos objectivos pelo qual foi contratado.Apesar de só se juntar à equipa no estágio, o togolês explicou as razões da  chegada tardia no local, promete trabalhar para estar ao nível dos seus colegas.

"De facto, assinei muito antes de terminar o campeonato, e nessa altura pedi permissão à  direcção do clube de forma antecipada, para ir ver a minha família. Tal como também fiquei à espera da convocatória para a selecção do meu país, como é normal. Não fui convocado e o visto ficou expirado. Deste modo, tive de andar atrás das questões burocráticas até que foi resolvido", justificou.Agora, com novo clube, o jovem de 23 anos de idade disse encontrar um grupo  que o recebeu bem, sendo motivo de alegria para o trabalho.

"Representei o ASA na época passada. Agora os desafios estão concentrados na minha nova equipa ( Progresso do Sambizanga) com quem tenho um contrato assinado por um ano. Foi fruto de trabalho mostrado no antigo clube".Prometo trabalhar muito e fazer mais do que fiz na época anterior. Quero estar concentrado, tanto nos treinos como nos jogos para justificar o meu contrato",  disse.