Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Palanquinhas cilindram Sofrigol FC

13 de Abril, 2017

Surgimento de golos nos sub-17 é sinal de eficácia no ataque

Fotografia: Edições Novembro

A Selecção Nacional Sub-17 de futebol venceu ontem, no Estádio da Cidadela, a equipa Sub-20 da Sofrigol FC, por expressivos 6-1, no âmbito da preparação para a disputa do Campeonato Africano das Nações (CAN), de 14 a 28 de Maio, nas cidades de gabonesas de Franceville e Port Gentil.
Os golos da parte do combinado nacional foram apontados por Tombe, Melano por duas vezes, Viegas, Bito e Armandinho. Do lado da Sofrigol FC , marcou Minguito.

 Com este triunfo, a equipa nacional de sub-17 obtém a segunda vitória consecutiva, depois de conseguir a primeira vitória  no ciclo de jogos -treinos, ao derrotaram  os Sub-20 do ASA, por 1-0, no Estádio da Cidadela, com um golo de Tombé. Desde o  arranque desde primeiro ciclo de preparação,  os Palanquinhas  realizaram quatro amistosos, perderam dois, diante dos sub-20 do 1º de Agosto e Real Sambila, empataram um diante da AFA, e venceram o último frente ao Atlético Sport Aviação.

No final do jogo com a Sofrigol, o técnico Simão Coxe “ Languinha” mostrou-se satisfeito com a evolução da equipa, à medida que a competição se avizinha. “ Foi um jogo bem conseguido, em que estivemos bem no nosso jogo exterior e interior, circulamos bem a bola aproveitamos as debilidades do adversário e penso que foi a melhor exibição, sem olhar para os resultados”, salientou o técnico Languinha. Por outro lado, o treinador salientou a atitude defensiva dos seus atletas, que foi de muita consistência, tal como a ofensiva, pois marcaram muitos golos.

“Os atletas já  mostraram aquilo que nós queremos, e à medida que o tempo passa os nossos jogadores ganham forma desportiva ideal, e isso, é bom para nós” Quanto aos pontas de lança, que era a maior preocupação da equipa técnica, visto que nos três primeiros jogos não marcavam, o responsável técnico dos sub- 17 disse:

“ Realmente, à medida que nós vamos realizando mais jogos, mais cedo ganham a forma desportiva, e isso em função também do volume de trabalho que já temos. Felizmente, as coisas que temos trabalhado já aparecem com mais naturalidade. No jogo passado já tivemos um ponta de lança a marcar, e hoje aconteceu a mesma coisa,  então, penso que estamos no bom caminho. Vamos trabalhar para consolidar os processos e os automatismos para que quando chegar a hora, esteja tudo dentro do programado” disse o técnico Simão Coxe.

Em função do arranque do campeonato provincial de Luanda, no domingo, a equipa decidiu não realizar nenhum jogo de controlo na próxima semana, para não sobrecarregar os atletas. “Os atletas vão participar no final de semana, no campeonato provincial, e por isso, não vamos realizar nenhum jogo de controlo, pois é prejudicial para eles, visto que em 10 dias vão fazer três jogos,  para uma equipa que está a  preparar-se para uma competição como esta, todo cuidado é pouco” disse o técnico Simão Coxe.