Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Pel confiante no novo desafio

Manuel Neto - 23 de Dezembro, 2017

Antigo tcnico da Acadmica do Lobito defende estar habituado a lutar contra dificuldades

Fotografia: Jornal dos Desportos

O treinador- adjunto dos Palancas Negras, Silvestre Pelé, revelou durante uma entrevista ao Jornal dos Desportos que se sente regozijado por ser escolhido para fazer parte da nova equipa técnica da selecção nacional.
Sem falsas modéstias, sublinhou que a sua indicação para um dos colaboradores do seleccionar é o prémio do trabalho que está a fazer. \"É um momento de grande satisfação na minha vida profissional e penso que tudo isso, é fruto do trabalho que tenho desenvolvido ao longo do tempo de trabalho\", destacou.
\"Agradeço aos dirigentes que apostaram em mim, assim como todos aqueles que directa ou indirectamente colaboraram para que este sonho se tornasse realidade\", exaltou.
Pelé salientou que todo o desportista e bom profissional sonha representar à selecção do seu país, enquanto o treinador almeja dirigir ou no mínimo fazer parte do comando técnico, patamares mais altos de qualquer carreira.
 \"É certo, que todos não podemos ser chamados ao mesmo tempo, agora é a minha vez e acredito que muitos tenham à sua sorte. O futuro vai tratar disso, para o bem do desenvolvimento do futebol nacional\", disse.
Ressaltou que neste novo desafio que tem pela frente, vai procurar dar tudo de si, no sentido de não defraudar as pessoas que  confiaram nas suas capacidades. \"Sei que preciso aprender mais e mais, visto que o processo de aprendizagem é infinito\", avaliou.
\"Ainda assim, tudo farei para potenciar cada vez mais os meus parcos recursos nesta matéria, e deste modo servir da melhor maneira o nosso futebol\", augura o treinador que orientou a época passada a Académica do Lobito.
O técnico reconhece que a tarefa não é fácil, mas defende estar  habituado a lutar contra dificuldades,  promete superar todas as que surgirem. \"Estamos habituados a enfrentar dificuldades e a superar sempre que nos deparámos com situações anómalas\", descreveu.
Disse mais adiante, que \"vamos lutar para ultrapassar todos os obstáculos, porque o nosso dia a dia é feito de dificuldades. Começamos nos escalões de formação, e mesmo nas equipas de seniores nunca desistimos. Estamos talhados para tudo que der e vier, continuar a desbravar a mata rumo às metas triunfais\", asseverou.
Quanto aos objectivos de Angola no CHAN, o adjunto dos Palancas Negras mostrou-se reservado e lacónico, contudo, acredita num grupo entrosado e que possa fazer boa figura na competição.
\"Nós que andamos no futebol, temos provas de que o futebol não vive de palavras, mas de trabalho, porque só com o trabalho os resultados surgem. É certo que vencer é sempre melhor, mas o importante para nós não é só isso, mas fazer um grupo  acutilante que traga bons indicadores, agora e no futuro\", precisou.

DESAFIO
Familiares e amigos apoiam treinador

Silvestre Pelé revelou que a sua família e os amantes do futebol em Benguela apoiam à integração, como um dos adjuntos dos Palancas Negras, gesto que o técnico agradece e promete trabalhar com a mesma humildade em prol do desporto angolano.
\"Para eles, é mais um filho da província que dá um salto importante, e deste modo, todos aqueles que me acompanharam nos momentos bons e difíceis festejaram comigo, efusivamente, e prometeram dar-me o apoio necessário para a nova empreitada\", afirmou.
Adiantou que a família é muito importante na vida de qualquer ser humano,  advoga que a sua não ficou alheia à esta conquista,  espera dar o melhor de si para honrar com brio a nova aposta da sua carreira.
\"Falo sobretudo da minha esposa, uma senhora religiosa que faz sempre suplicas  à Deus, para que as coisas boas aconteçam na nossa vida e de todos aqueles que connosco trabalham\", elogiou  emocionado e confiante em dias melhores o nosso seleccionador nacional adjunto das honras angolanas.
\"Com este acontecimento, ela (família) sente-se ainda com mais força e motivação para continuar a pedir a bênção, e promete apoiar-me  nesta luta árdua\", disse, José Silvestre “Pelé”.