Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Petro de Luanda consegue vitria preciosa em Kinshasa

Edvaldo Lemos - 15 de Dezembro, 2018

Petro de Luanda surpreendeu, ao derrotar os congoleses democrticos do AS Nyuki

Fotografia: Edies Novembro

 Com o espírito dominador, o Petro de Luanda surpreendeu, ao derrotar os congoleses democráticos do AS Nyuki, ontem, no estádio Mártires de Kinshasa, por 1-0,  em jogo a contar para primeira mão da eliminatória de acesso a fase de grupos da Taça da Confederação.  Deu um passo importante para, em Luanda, na segunda mão, consolidar a sua continuidade na prova.
Quando eram 29 minutos da primeira parte, um cabeceamento do \"baixinho Vá\", violava a baliza do AS Nyuki, colocando em vantagem a equipa petrolífera.
Poucos minutos depois, a bola entrou na baliza petrolífera, devido a uma falha do guarda redes Gelson. Os congoleses já festejavam o golo do empate, mas o árbitro do desafio anulou o golo, por ter sido marcado em posição de fora de jogo.
O Petro de Luanda , a jogar no  sistema de 4x2x3x1, iniciando com Gelson na baliza, Wilson Danilson e Tó Carneiro a direita, dois trincos Allem e Herenilson, dois alas Vá e Job, um avançado, Tiago Azulão, jogando com Tony no apoio, dominou a partida com muita atitude.
Os trincos, sobretudo, Herenilson deram conta do recado e mantiveram o domínio do centro.
O jogo petrolífero fluiu no contra-ataque, obrigando a equipa do Nyuki a jogar na defensiva. Job pelo lado esquerdo e Tony apoiando o ataque de Tiago Azulão, começaram desde o principio a impor o seu futebol, deixando a equipa adversaria sem forças para contra-atacar.Tudo pareceu que a equipa do Petro estudou muito bem o seu adversário, para lograr o resultado, que galvaniza para o desafio da próxima sexta feira, em Luanda.