Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Petro e Academia de Angola decidem ttulo nacional

18 de Maio, 2019

O Petro de Luanda e a Academia de Futebol Clube de Angola (AFA) decidem hoje, no estdio dos Kurikutelas

Fotografia: Jornal dos Desportos

O Petro de Luanda e a Academia de Futebol Clube de Angola (AFA) decidem hoje, no estádio dos Kurikutelas, arredores da cidade do Huambo, o título de campeão nacional em masculino, na categoria de sub-20.
Depois de uma campanha a todos os níveis irrepreensível, as duas melhores equipas da competição chegam à grande final com todo mérito. Sem favorito, o jogo promete e será de certeza uma boa montra, para publicitar a modalidade neste escalão.
Com o vice e o campeão da edição passada afastados, o testemunho será bem entregue, pois as equipas que decidem hoje o título reúnem potencial e qualidades técnicas para erguerem o troféu.
Para chegarem à final da prova, aberta no dia 6, os “tricolores” eliminaram a Académica do Lobito, por 4-3, jogo decidido através da marcação de grandes penalidades, depois da igualdade nula registada no tempo regulamentar.
Já os “estudantes” venceram o Petro do Huambo, por 2-0, com golos de Mukuaya e Panda, aos 11 e 77 minutos, num jogo igualmente complicado, por causa das aspirações dos contendores e o equilíbrio patenteado em campo.
Ambas equipas terminaram a 1ª fase do campeonato nacional na liderança, sendo o Petro de Luanda, com nove pontos, no grupo C, e a Academia FC de Angola, com sete pontos, no grupo B.
Nos quartos de final, os “tricolores” eliminaram, o 1º de Agosto, finalista vencido da edição passada, a quem venceram por 2-0. Os “estudantes” despacharam o Santos FC de Angola, por 5-1.
O jogo de domingo vai ser a segunda final que ambas equipas disputam este ano, depois de, no dia 28 de Abril, para a decisão do título provincial de Luanda, o Petro de Luanda ter ganho por 4-2, no estádio dos Coqueiros.
Na sexta-feira o Petro do Huambo e Académica do Lobito disputam o 3º lugar da competição, cuja surpresa foi a eliminação, ainda