Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

“Queremos regressar aos bons resultados”

16 de Julho, 2017

“Uma saída que será muito complicada, pois é contra o 1º de Agosto, candidato e campeão em título. Ainda assim, vamos ver se a gente consegue ter mais algum crédito, que é pontuar fora”, perspectivou

Fotografia: Santos Pedro / Edicões Novembro

A equipa do Desportivo da Huíla vai defrontar hoje à tarde, no estádio 11 de Novembro, em Luanda, o 1º de Agosto, em jogo da 20ª jornada do Girabola Zap, com único objectivo: conquistar os três pontos. A garantia foi dada pelo treinador Mário Soares, quando fazia o lançamento do duelo, colocando de parte, deste modo, rumores de alegado favorecimento ao campeão.

“A duas equipas tiveram resultados negativos na última jornada (ambas empataram).  Vamos ver qual das duas vai conseguir motivar melhor os seus jogadores, se apresentar muito mais motivado, porque entraremos em igualdade de circunstâncias com a diferença do 1º de Agosto ser candidato ao título. Vamos jogar e tentar contrariar ao máximo as pretensões do adversário.

Queremos regressar aos bons resultados, por isso nada de facilitismo ou combinação de resultados. Tal como o 1º de Agosto, também queremos os três pontos”, disse.

Durante a preparação, Mário Soares incidiu alguma atenção para o aspecto motivacional do grupo para superar a quebra anímica provocada pelo resultado inesperado (0-0), no último domingo, no seu reduto, diante do Recreativo da Caála, em que a equipa, segundo o técnico, saiu cabisbaixo do estádio. “Motivar muito mais a equipa porque saiu cabisbaixo com o resultado passado. Não é o desfecho que o grupo esperava.

Então, trabalhar muito o aspecto psicológico para ultrapassarem o mau momento e fazer um bom resultado”, definiu Mário Soares.
Descreveu a deslocação hoje a Luanda como sendo de elevado grau de dificuldades, a julgar pelo potencial do adversário, força do futebol que pratica, aliado ao estatuto que ostenta de candidato ao título da prova.

“Uma saída que será muito complicada, pois é contra o 1º de Agosto, candidato e campeão em título. Ainda assim, vamos ver se a gente consegue ter mais algum crédito, que é pontuar fora”, perspectivou
BN, NO LUBANGO