Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Sambilas e palanquinos jogam drbi luandense

Betumeleano Ferro - 18 de Outubro, 2017

Equipa do Sambizanga venceu o jogo da primeira mo por 2-1

Fotografia: Santos Pedro | Edies Novembro

O jogo da primeira mão forneceu boa prova da equivalência entre o Kabuscorp e o Progresso, as duas equipas pesam o mesmo na balança, mas os sambilas entram em campo com ligeira vantagem que pode ser determinante, se forem competitivos e eficazes como no jogo inicial.

Os sambilas aparentam mais argumentos competitivos, quando bem dispostos a executarem o seu futebol alegre e contagiante, até para os adversários. Se estiver em dia sim, o Progresso vai ao encontro do seu nome para somar a segunda meia-final consecutiva, um feito inédito na sua história.

A confirmação do apuramento dos sambilas é uma questão pacífica, até certo ponto, mas o grande problema está na inesperada oscilação de rendimento que a equipa gosta, como aconteceu na derrota caseira para o campeonato com o Desportivo da Huíla, por 2-1.

O Kabuscorp sabe que tem de vencer, por 1-0, ou por margem de dois golos para anular o 2-1, também sabe da intermitência sambila, que deve encher de confiança e motivação o balneário palanquino. O oponente costuma ser um dos grandes carrascos das últimas épocas, pelo que os palanquinos vão esforçar-se por fazer a sua parte, sempre à espera que o Progresso esteja num daqueles dias sem inspiração.

O duelo entre palanquinos e sambilas é talvez o mais aliciante dos quartos-de-final, ainda bem que é assim, porque na primeira mão deu para ver o motivo do cartaz, realmente as duas equipas proporcionaram um espectáculo cheio de atractivos, como que para justificar os prognósticos feitos com antecedência.

A eliminatória está favorável aos sambilas, ninguém vai ficar surpreendido se continuarem em prova, mas uma recuperação palanquina também não está posta de parte, ainda mais, porque não é daqueles casos em que é necessário fazer algo extraordinário para anular uma grande desvantagem.