Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Semba e brilhantes abrem hoje a primeira jornada

Joaquim Suami-Cabinda - 14 de Setembro, 2019

Sublinhou que o arranque do projecto est condicionado identificao das idades verdadeiras dos atletas.

Fotografia: Jornal dos Desportos

O campeonato provincial de Cabinda de futebol sénior masculino inicia esta tarde, às 15h30, com a disputa do jogo de cartaz entre as equipas do Semba FC e o Brilhantes do Simulambuco, no Estádio do Tafe. A primeira jornada prossegue, amanhã, com o Benfica a receber o Cimac FC, enquanto a formação dos Amigos do Renato FC folga, por força de calendário.
Aguardado com muita expectativa, a partida inaugural, os visitantes, não obstante a sua condição, são apontados como favoritos. Com um plantel formado por atletas jovens e dotados de boa qualidade técnica, a conquista dos três pontos é quase uma certeza.
Do lado contrário, a disposição é de contrariarem ao máximo os intentos do adversário e provar que o regresso às competições, não é obra do acaso ou emoção, mas fruto de trabalho aturado que culminou com a presença no provincial.
O Semba FC esteve parado durante muito tempo, por dificuldades financeiras, apesar de reconhecer as suas limitações, admite entrar em campo para contrariar os intentos dos visitantes. Pesa, sobre a equipa da Rua Duque de Chiazi, o facto dos seus atletas serem inexperientes, mas a motivação e a vontade de jogar em prova oficial pode superar as debilidades que apresentam.
Na outra partida, o Benfica de Cabinda tido como candidato a sagrar-se campeão provincial, é o favorito no jogo com o Cimac FC, que entra na competição pela primeira vez, no escalão sénior. Os encarnados recrutaram para esta prova, jogadores que militaram em vários clubes locais, como Cabinda Sport Clube, FC de Cabinda, Chinga FC e Real Mbuco para ascenderem à IIª Divisão.
O presidente da Associação Provincial de Futebol local, Joaquim Mota, disse ao Jornal dos Desportos que todas as condições técnicas e administrativas estão criadas, para que os clubes inscritos possam participar sem nenhum constrangimento na competição.
\"As equipas trabalharam ao longo da semana os aspectos administrativos e técnicos, para que não faltasse nada, antes do arranque da competição. Em termos de arbitragem, os participantes sabem quanto têm a pagar aos árbitros\", recordou.
Referiu, que devido o número reduzido de equipas, todos os jogos vão ser disputados no Estádio de Tafe. \"A única dificuldade tem a ver com o valor imposto pela Secretaria Provincial da Juventude e Desportos aos clubes, para a utilização do Tafe. Por isso, vamos reunir com a direcção local do Minjud para atenuar a situação, porque as agremiações estão com dificuldades financeiras\", disse.
De acordo com o presidente da APF, a prova vai ser disputada nos moldes de todos contra todos, a duas voltas, sagra-se vencedora a equipa que somar o maior número de pontos durante a competição.
A par do \"provincial\" sénior, Joaquim Mota revelou que vão igualmente organizar as competições provinciais de sub-13, 14, 17 e 20, no quadro do projecto, \"sou craque com a minha verdadeira identidade\". Sublinhou que o arranque do projecto está condicionado à identificação das idades verdadeiras dos atletas.