Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol

Toni Cosano promete um bom jogo

EDVALDO LEMOS - 30 de Novembro, 2019

Treinador do Petro ambiciona vitria sobre o Mamelodi Sundowns

Fotografia: Dr

O treinador do Petro de Luanda, Antonio "Toni" Cosano, promete fazer um bom jogo, esta noite, em Pretória, quando defrontar, às 21h00 locais (20h00 em Angola), no estádio Loftus Versfeld, o Mamelodi Sundowns FC, a contar para primeira jornada do Grupo C da Liga dos Clubes Campeões Africanos.
"Sempre que coloco a equipa em campo, o mais importante para mim é fazer um bom jogo e ter os nossos atletas com boa disposição, o que não fugirá à regra no jogo com os sul-africanos", disse.
O treinador espanhol pretende não ser surpreendido no jogo de estreia, por isso vai apostar no ataque, para que a equipa consiga um bom resultado e espera que não relaxe durante a partida.
"A minha máxima preocupação é o desempenho da minha equipa, espero que não relaxe, ou seja, que entre bem no jogo. Estamos com um bom ataque nos jogos do Girabola, com o Sundowns aposto que será a mesma coisa", prometeu.
Toni Cosano tem noção, que o Petro de Luanda está na fase de grupos com muitas equipas fortes. Por esse motivo, avançou, também terá que manter a sua máquina forte, pois só assim vai poder contrapor o poderio dos adversários.
"Os nossos adversários são fortes, sabemos isso desde o sorteio da prova. Vamos defrontar o campeão da Argélia, do Marrocos e da África do Sul e por aqui já se pode ter uma ideia do nível dos adversários que teremos que enfrentar na Liga dos Campeões", sublinhou.
O técnico tricolor levou para Pretória a maioria dos jogadores que têm jogado com regularidade no campeonato nacional, prova em que o Petro de Luanda está na segunda posição, com 29 pontos, menos um que o líder 1º de Agosto.
O Petro de Luanda não perde há seis jogos na competição interna. A única derrota na presente época, 1-0, aconteceu na terceira jornada do Girabola Zap, no Lubango, diante do Clube Desportivo da Huíla.