Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol Internacional

Barcelona e Juventus em grande confronto

12 de Setembro, 2017

O Barcelona tenta a desforra frente ao campeão italiano

Fotografia: AFP

Hoje, as atenções vão estar viradas para Camp Nou, onde o Barcelona recebe a Juventus, um jogo em que os dois contendores têm contas pendentes, após os italianos  afastarem os rivais da final do ano passado. Finalista vencido na edição passada, o campeão italiano vai mostrar que tem futebol para se impor a nível da Europa, para provar isso mesmo, e em casa do  poderoso Barcelona  que ficou sem o tridente MSN, mas foi buscar Dembelé ao Dortmund e reforços para voltar a atacar as competições em que esteja engajada com força.

O jogo referente ao grupo D, tem o Olympiakos da Grécia e o Sporting que se defrontam na outra partida do grupo. Na Escócia, para o grupo B, o Paris Saint-Germain vai provar que as contratações milionárias no mercado de transferências, concretamente a contratação do brasileiro  Neymar ao Barcelona por mais de 200 milhões de euros, não foi em vão. O clube pariense pretende atacar a Europa, com um conjunto de estrelas mundiais, e joga diante do Celtic, em que é favorito, mas em que tem de provar dentro das quatro linhas.

No outro jogo do grupo, o Bayern de Munique recebe a formação belga do Anderlecht. Os bávaros carregam o favoritismo na partida , e  estão perfilados na primeira linha das equipas candidatas à conquista do troféu. O Chelsea tem a missão de baptizar a formação do Qarabag ,em competições da \"Champions\", e por isso, não deve ter dificuldades em ultrapassar o seu primeiro triunfo no grupo C, compartilhado com a Roma e Atlético de Madrid, que jogam na outra partida do grupo.

RAEAL MADRID
Zenedine Zidane
dá “puxão de orelhas”

O técnico ZenedineZidane não escondeu a frustração depois do  empate 1-1, Real Madrid - Levante, em pleno Santiago Bernabéu para a terceira jornada do campeonato espanhol. Os actuais bicampeões europeus foram surpreendidos com o golo inicial do adversário, mas chegaram ao empate com Lucas Vásquez. Entretanto, ainda que criassem inúmeras oportunidades, não conseguiram a reviravolta.

“Precisamos de jogar melhor, e consertar isso”, afirmou o treinador francês. “Não podemos ficar felizes com o que fizemos. Contra o Valência, perdemos dois pontos, mas jogamos bem. Não fizemos no jogo com o Levante uma boa partida, isso é claro. Estivemos melhor depois do intervalo, criamos oportunidades, mas não foi um bom jogo”, referiu.“Só um golo, hoje, não foi o bastante. Com as oportunidades de golo que nós criamos, precisamos de ser mais efectivos”, avaliou.

Entretanto, as notícias para a estreia da equipa na fase de grupos da Champions League na quarta-feira com o APOEL, não são boas: Benzema deixou o campo lesionado e pode desfalcar até seis semanas. Sem Benzema, no comando de ataque, o campeão espanhol não sacudiu as redes contrárias. E, a equipa espanhola não tem boas opções no banco de reservas, já que negociou Álvaro Morata com o Chelsea.

 “Não podemos, mudar isso, agora. Nós temos o elenco que temos. Vamos encontrar soluções com o que temos aqui”, fez questão de frisar o comandante merengue sobre a questão.