Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Futebol Internacional

Benfica e Porto obrigados a vencer

07 de Abril, 2018

o Benfica est proibido de repetir o resultado do nico jogo disputado em Setbal nesta poca .

Fotografia: AFP

O líder Benfica e o perseguidor FC Porto defrontam neste fim de semana, o Vitória de Setúbal e  Desportivo das Aves, respectivamente, para a 29ª jornada da I Liga, uma semana antes do “clássico” entre ambos.
O tetracampeão português, que  persegue o inédito “penta”, desloca-se hoje a Setúbal muito motivado pela recente subida ao primeiro lugar – pela primeira vez de forma isolada -, porém, conta com a tradicional oposição dos sadinos, ampliada pelo facto de ainda estarem envolvidos na luta pela manutenção.
O FC Porto também defronta amanhã uma equipa em posição delicada, apenas a dois pontos acima da zona de despromoção, pode contar com a vantagem de o fazer em casa, onde pretende recuperar da derrota por 2-0, sofrida na segunda-feira frente ao Belenenses, que custou o comando da prova.
Com um ponto de vantagem sobre o FC Porto, o Benfica está proibido de repetir o resultado do único jogo disputado em Setúbal nesta época (2-2, para a Taça da Liga), para apresentar-se no Estádio da Luz na liderança da Liga no domingo seguinte, sem depender de um deslize do rival portuense frente ao Desportivo das Aves.
Sem jogadores suspensos com um lesionado, o médio Krovinovic, a equipa treinada por Rui Vitória  conta com o forte apoio dos adeptos, no reduto do Setúbal que é o 13º colocado, cinco pontos acima da zona de despromoção, e com o acerto do avançado Jonas que é o melhor marcador da competição com 33 golos.
Sérgio Conceição também ficou com o panorama clínico mais desanuviado. Vários jogadores  recuperaram de lesões e estão longe da melhor forma, entretanto, o FC Porto sofreu um duro revés com a lesão grave de Danilo, uma rotura parcial no tendão de Aquiles da perna esquerda, anunciada na quarta-feira pelos ‘dragões’.
Sem perspectivas de lutar pelo título – posição assumida pelo treinador Jorge Jesus, após a derrota por 1-0 em Braga -, o Sporting mantém-se na corrida ao segundo lugar, mas não tem a tarefa fácil na recepção ao Paços de Ferreira, que há três rondas impôs o primeiro desaire ao FC Porto na Liga.
A seis pontos de distância do Benfica (que recebem na penúltima jornada) e a cinco do FC Porto, os “leões” que têm pela frente a equipa pacense ainda a lutar pela manutenção, em igualdade pontual com o Setúbal, apenas três dias após o embate com o Atlético de Madrid, para a Liga Europa.